Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Paulo Goulart e Nicette Bruno: Um amor renovado

Em casa, com filhos e netos, atores Paulo Goulart e Nicette Bruno celebram os 59 anos de sua união

Redação Publicado em 05/03/2013, às 18h13 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

O casal Paulo Goulart e Nicette Bruno entre o filho, Paulinho, a neta Vanessa e a filha Beth Goulart, com
o herdeiro, João Gabriel. - Selmy Yassuda
O casal Paulo Goulart e Nicette Bruno entre o filho, Paulinho, a neta Vanessa e a filha Beth Goulart, com o herdeiro, João Gabriel. - Selmy Yassuda

Uma noite em que se reverenciou o amor e um casamento de 59 anos. Assim foi o jantar promovido pelos atores Paulo Goulart (80) e Nicette Bruno (80), a Leonor em Salve Jorge, para celebrar suas bodas de cereja, na casa deles, no Recreio dos Bandeirantes, Rio, com cobertura exclusiva de CARAS. “É muito bom curtir a relação em todos os seus níveis. As coisas não devem acontecer de supetão. Hoje em dia, as pessoas querem ficar logo juntas. Precisa dar um tempo para se conhecerem um pouco, curtir o encontro e oficializar a relação quando realmente tiver um projeto de vida. Casar por casar não diz muita coisa. É bom saber o que o outro deseja. O mais importante na vida é manter sempre o diálogo”, ensinou a atriz, ao lado dos filhos Beth Goulart (52) e Paulo Goulart Filho (47), com a namorada, a empresária Lissandra Mello (34), e dos netos João Gabriel (30), de Beth, e Vanessa Goulart (37), de Bárbara Bruno  (56), primogênita do casal que não pôde estar presente por conta de um trabalho, em São Paulo. Nicette lembrou ainda que ela e Paulo tiveram um ano de namoro e outro de noivado. “Naquela época, havia dessas coisas, ele pediu minha mão para a mamãe, aí ficamos noivos. Tudo foi num crescente. Tivemos primeiro o entusiasmo, a paixão que foi se modificando e virando um sentimento mais forte. Agora é como uma brasa, a qualquer momento inflama”, acrescentou ela, sorrindo. “Tudo valeu a pena com a Nicette e o que temos hoje ainda é amor”, completou Paulo. O ator e sua mulher recordaram curiosidades do romance, que começou pouco depois de o ator cantar para ela os versos: ‘Índia, seus cabelos nos ombros caídos / Negros como a noite que não tem luar’. “E eu era muito loura! Mas Índia acabou virando a nossa música”, divertiu-se Nicette, que, contrariando a tradição, não atrasou em sua cerimônia de casamento, em 26 de fevereiro de 1954. “Ela chegou quinze minutos antes da hora e ficou dando voltas de carro nos arredores da igreja. Eu já estava lá dentro, nervoso, ansioso, prestando atenção aos convidados”, afirmou Paulo.

A família recebeu amigos como Ana Beatriz Nogueira (45), colega de Nicette na novela das 9, Leiloca e o casal Thiago Lacerda (35) e Vanessa Lóes (41), que presenciaram várias demonstrações de afeto naquela noite. Nicette, por exemplo, tocou piano para a alegria do marido. Já Paulo, acompanhado do pianista Alcir Alves (45), devolveu o carinho cantando para a amada a canção As Time Goes By, do clássico filme americano Casablanca, de 1942. “Paulo e Nicette são uma inspiração para nós, um exemplo de vida na arte e no amor. Após 59 anos juntos, parecem dois namorados. Existe frescor, o cuidado de um com o outro, que é tão lindo e difícil de preservar. Eu tenho um casamento de 12 anos e, caramba, quantas vezes a gente já se perdeu ali na delicadeza. O dia a dia, às vezes, é muito duro. Então, me sinto feliz de estar com eles nesta noite”, ressaltou Vanessa, a Tizinha de Malhação. “Realmente, desfrutar da companhia dos dois é um privilégio. Eles passam essa leveza e esse espírito amoroso, contagiante e sólido, que irradiam para a vida deles, para as relações pessoais e de trabalho. Conviver com esse casal é admirar tudo que o amor pode proporcionar”, emendou Thiago, que interpreta o papel-título da peça Hamlet, de William Shakespeare (1564-1616), em cartaz no Espaço Tom Jobim, Rio. “Tenho um compromisso fechado com a minha carreira, então, venho fazendo trabalhos que só me enchem de orgulho”, completou Thiago.

Durante o jantar, em que foram servidos bacalhau em natas e medalhões de filé mignon com molho de sálvia, os amigos renderam homenagens ao casal. A atriz Dira Paes (44) soltou a voz na canção Endless Love. “Quando somamos Paulo e Nicette, temos uma força dos deuses, das pessoas que estão acima dos mortais, voltadas para os valores mais importantes do ser humano: os do amor. Sinto um privilégio de contracenar com Nicette neste momento”, realçou Dira, que faz a Lucimar de Salve Jorge. As manifestações de carinho emocionaram a família. “Meus pais são um exemplo bonito de que o amor verdadeiro é possível e torna tudo mais fácil. Os dois passaram por dificuldades, mas um sempre apoiou o outro, e isso só os fortaleceu. O companheirismo é o grande segredo deles”, apontou Paulo Goulart Filho. “E, também, a cumplicidade e a verdade. Os dois têm um amor profundo pela profissão e sempre souberam respeitar a dedicação do outro ao trabalho sem nenhuma competição. A ideia desse jantar aqui é a de confraternizar e compartilhar com os amigos a alegria deles de estarem juntos há tantos anos e ainda de o meu pai estar bem de saúde”, acrescentou Beth, referindo- se à recuperação de Paulo após ser diagnosticado, em Fevereiro de 2012, com um câncer no mediastino. “Logo, logo eu devo retornar ao trabalho. Tenho muita vontade de voltar a atuar. Estou escrevendo umas coisas sobre o que aconteceu comigo. Quero transformar isso em algo positivo”, revelou o ator, que se emocionou ao ouvir Beth cantar para ele e Nicette Sina, sucesso de Djavan (64).