Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Papa Bento XVI elogia Karl Marx...

Redação Publicado em 05/04/2007, às 15h01

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
O pontífice afirmou que o pai do comunismo "forneceu uma imagem clara do homem vitimado por bandidos", em trecho de seu livro Jesus de Nazaré, que estará a venda no dia 16 de abril, quando o papa comemora 80 anos de idade. No trecho divulgado pelo jornal italiano Corriere della Sera, Bento XVI cita a parábola do bom samaritano, do Novo Testamento, como exemplo de amor ao próximo e cita o filósofo alemão, que era ateu e afirmava que a igreja é "ó ópio do povo", quando descreve o homem como vítima de exploração e opressão. "Karl Marx tratou de maneira drástica a 'alienação' do homem. Mesmo que não tenha atingido a verdadeira profundidade da alienação, porque raciocinava apenas em âmbito material", diz o papa. Os "bandidos" nesse caso são uma referência a personagens da parábola do bom samaritano, tema de um dos dez capítulos do livro, que traz a história de um homem que após ser assaltado e agredido, é deixado na beira da estrada. Ele não é ajudado por seus compatriotas, mas socorrido por um estrangeiro. (Quinta-feira, 05/04/2007)