Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

O fenômeno Justin Bieber

Justin Bieber, de 16 anos, o cantor canadense que virou febre entre os adolescentes, fez sucesso entre os latino americanos antes mesmo de lançar seu primeiro single na América Latina

Redação Publicado em 25/05/2010, às 19h12 - Atualizado às 19h20

Justin Bieber - Getty Images
Justin Bieber - Getty Images
O álbum My Worlds, de Justin Bieber - um compacto dos dois primeiros CDs do cantor My World e My World 2.0 lançados lá fora, chegou em 22 de março na América Latina. Em maio, o álbum já era o mais vendido no México e na Colômbia e o segundo mais vendido no Brasil, Argentina e Venezuela. O fato que mais impressionou Gabriela Carrilho, vice-presidente de marketing internacional da Universal Music na América Latina, da qual Bibier faz parte do casting, foi que o sucesso do garoto vem da internet, antes mesmo do lançamento do álbum e das promoções nas rádios. "Bieber é a real prova de que a garotada está ouvindo música de uma forma diferente atualmente, diferente de cinco anos atrás, ou até de três, dois anos atrás", diz Carrilho, que ainda lembra que recebeu uma ligação da gravadora do cantor, a Island Def Jam, dizendo que o Brasil era o segundo país, depois dos EUA, com mais acessos aos vídeos de Bieber no site Youtube. O sucesso mais recente de Justin Bieber é a múscia Somebody to Love, que tem a participação do cantor Usher, considerado seu padrinho no mundo da música.