Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Nívea: vilã na ficção, mocinha na vida real

No ar na TV, em cartaz nos palcos, mulher, mãe e namorada. O segredo do bom humor de Nívea Stelmann, mesmo com tantas atividades

Redação Publicado em 08/12/2009, às 13h24 - Atualizado às 16h36

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Nívea Stelmann com o filho Miguel
Nívea Stelmann com o filho Miguel
No ar na TV, em cartaz nos palcos, mulher, mãe e namorada. Como a própria atriz diz: 'está sendo uma loucura.' Mas a versátil Nívea Stelmann dá conta do recado. E muito bem. Ela comemora dois desafios profissionais, uma vilã na novela Cama de Gato e outra menina nada boazinha na peça Um Lugar Chamado Recanto. Além disso, a bela de 35 está sempre linda, é uma mãe superdedicada - sorte de Miguel, de 5 anos, fruto da relação com Mário Frias - e se mostra uma namorada nota 10 - o eleito é Thierry Figueira. E como será que Nívea acumula tantas funções e mesmo assim está sempre de bem com a vida? Em conversa com o Portal CARAS ela conta o segredo. Confira a entrevista. - Como está sendo a rotina, com tantas atividades? - Uma loucura! TV, teatro, namorada, mãe... Mas eu adoro. - Tem algum segredo para não cair nas armadilhas do estresse? - Para dar conta de tudo, procuro dormir bastante e ter bom humor, porque aí a gente vai levando as coisas de uma forma mais feliz e tudo vão dando certo. - Como estão os trabalhos na TV e no teatro? É bom fazer vilãs - Sou uma vilãzinha, uma aprendiz de vilã. É muito bom fazer maldade na TV. Todo trabalho novo é um desafio. Estou no núcleo da Paola Oliveira e do Dudu Azevedo, sou comparsa deles para fazer maldades. A gente vê há algum tempo que dinheiro e poder mudam as pessoas. Você dá fama e poder para a pessoa, você a conhece realmente. Eu acho a história da novela muito linda, estou muito feliz de fazer parte desse projeto. No teatro também faço uma vilã na peça Um Lugar Chamado Recanto. - E sobra tempo para se cuidar? É vaidosa? - Sou vaidosa, sim. Acho que toda mulher é um pouco. Eu gosto de me arrumar. Gosto dessa coisa de festa, você faz uma maquiagem mais legal, ajeita o cabelo, procura um vestido. Acho gostoso você brincar de boneca. - Por falar em brincar, como está o filhão? - Ele está incrível, uma criança adorável. É muito bom ser mãe dele, muito bom. Menino é muito apaixonado pela mãe. Ás vezes eu estou me arrumando e ele diz: 'mamãezinha, você está tão linda'. Eu fico toda derretida. - Pensa em ter mais filhos? - Se eu pudesse, eu tinha mais três, mas para as mulheres é muito difícil parar de trabalhar, ficar gorda, amamentar. Tem todo um processo. Mais um eu quero ter, não sei quando e nem com quem, sei que quero mais um.