Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Morre o cantor espanhol Manolo Otero

Vítima de câncer de fígado, Manolo Otero faleceu na última quarta-feira, 1º, em São Paulo. O cantor será cremado na cidade de Santos

Redação Publicado em 02/06/2011, às 16h59 - Atualizado às 17h23

Manolo Otero - Reprodução
Manolo Otero - Reprodução
Faleceu na última quarta-feira, 1º, aos 63 anos, o cantor espanhol Manolo Otero. Ele estava internado no Hospital das Clínicas, em São Paulo, onde se tratava de câncer no fígado, doença descoberta no início deste ano já em estágio avançado. Por decisão da esposa, a brasileira Celeste Ferreira, o artista, natural de Madri, será cremado nesta quinta-feira, 2, na cidade de Santos. Manolo Otero ficou conhecido como uma das vozes românticas de maior sucesso nos países latinos nas décadas de 1970 e 1980, interpretando hits famosos como Vuelvo a Ti, Bella Mujer e Qué He de Hacer para Olvidarte. O cantor, que perdeu a mãe em dezembro do ano passado, tem um filho, Manolo Otero Júnior, fruto do seu casamento com a atriz e cantora María José Cantudo, de quem se divorciou em 1979.