Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

Morena Baccarin

Poderosa na TV, simples na vida

Redação Publicado em 10/05/2010, às 19h10 - Atualizado em 17/05/2010, às 15h59

Atriz brasileira radicada nos EUA, ela exibe curvas e beleza delicada no hotel Unique, em SP, durante passagem pelo Brasil para divulgar a série de TV V, em que vive alienígena. - MARCO PINTO/SAVONA
Atriz brasileira radicada nos EUA, ela exibe curvas e beleza delicada no hotel Unique, em SP, durante passagem pelo Brasil para divulgar a série de TV V, em que vive alienígena. - MARCO PINTO/SAVONA
A beleza da atriz Morena Baccarin (30), reconhecida no remake do seriado americano de ficção científica V, não é impecável só na telinha do Warner Channel. Ao vivo, a brasileira, radicada nos Estados Unidos desde os 10 anos, é aparentemente tão delicada e misteriosa quanto sua personagem, Anna, líder dos alienígenas. Apesar da fama, ela mantém uma rotina convencional: pratica yoga e pilates, lê muito, cozinha e passeia com seu cão Rudy (7), da raça löwchen. Prefere assistir a filmes com o noivo, o diretor e escritor Austin Chick (38), na casa onde moram, no condomínio Atwater Village, em Los Angeles, a curtir noitadas, e revela o sonho de se casar e ser mãe. "Sou muito tranquila e simples", diz, em português - a bela fala ainda inglês e espanhol. Enquanto aguarda o início das gravações da 2ª temporada de V, Morena veio ao Brasil, depois de dois anos sem visitar o país, para divulgar a série. Filha mais velha do ex-casal Vera Setta (65), atriz, e Fernando Baccarin, jornalista, e irmã de Tauã Baccarin (27), diretor de computação gráfica em uma empresa de Nova York, ela definiu sua profissão ainda na adolescência. "Quando ela me contou que seria atriz, me assustei. Morena sempre foi boa em matemática, pensei que seria cientista", diz Vera. "Aos 17 anos, quando entrou para o renomado Theater Program, na Julliard School, fiquei orgulhosa", emenda. "Foi nessa escola que tive a certeza da minha profissão", diz Morena, em entrevista exclusiva para a CARAS, no Hotel Unique, em São Paulo. - Por que você foi morar nos EUA? - Fui a Nova York pela primeira vez aos 7 anos, com meus pais e irmão. Passamos um ano e meio lá, mas minha mãe não gostava de onde morávamos. Voltamos para o Brasil e nesse meio tempo meu pai conseguiu um condomínio melhor, em Manhattan, e ficamos de vez. Hoje meu pai mora no Rio e minha mãe tem casa em Nova York, no Rio e em São Paulo. - Você cogita voltar a morar no Brasil? - Adoro o país, o Rio, a praia, água de coco. Gosto das pessoas daqui, do carinho, coisa que você não sente no exterior. Mas no dia a dia me acostumei com a vida nos Estados Unidos. - Mas nesse dia a dia tem alguma coisa brasileira da qual você sente falta? - Um prato de feijão com arroz (risos). Em L.A. como mais salada e coisas fáceis. - Já recebeu convite para atuar no Brasil? - Fui convidada para fazer novela, mas na época não deu porque estava trabalhando nos Estados Unidos. Para filme ainda não me convidaram, e eu adoraria! Quem sabe agora... - Em algum momento você chegou a pensar em desistir da carreira de atriz? - Houve momentos de frustração, mas nunca pensei em parar. Minha mãe falava: 'Calma, você não trabalha todos os meses, mas sempre tem alguma coisa.' - Conseguiu chegar onde queria, ou você ainda tem muitos sonhos? - Tenho muitos sonhos, sim. Porém acho que vivo um momento importante. - O que te deixa feliz? - Amo viajar. Já conheci o mundo todo, só não fui ainda à África e à China. - Casamento e filhos estão nos planos? - Já moro com meu namorado, ficamos noivos e esperamos para ver quando teremos tempo para casar. Filhos só mais para frente. - Como você explica o fato de uma garota brasileira conquistar fama no exterior? - Holywood está se abrindo para outras nacionalidades. No começo, eu empacava por ter nome brasileiro e falar inglês sem sotaque, o que para eles era confuso. Depois perceberam que sou versátil e me deram uma chance.