Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Lola Melnick diz que só posaria nua em prol dos animais: 'Sou contra o uso de peles'

Jurada do programa 'Cante Se Puder', Lola Melnick admitiu que recebe propostas de revistas masculinas, mas que não pretende fotografar para um ensaio sensual. De acordo com ela, o único nu que toparia fazer é em uma campanha em prol dos animais

Redação Publicado em 21/09/2012, às 21h48 - Atualizado em 22/09/2012, às 11h14

Lola Melnick - Divulgação
Lola Melnick - Divulgação

A bailarina e apresentadora russa Lola Melnick (29), que é jurada do programa Cante Se Puder, do SBT, afirmou que vem recebendo várias propostas para tirar a roupa para revistas masculinas. Mas, de acordo com a bela loira, a sua resposta definitiva é não. “Meus fãs não querem me ver em um ensaio sem roupa e eu também não quero”, argumentou à CARAS Online.

Lola afirma que, embora não tenha nada contra quem estampe uma capa, atualmente acredita não há mais nenhuma novidade para explorar no nu artístico. “Só faria em prol dos animais, em uma campanha, já que sou contra o uso de peles.  Aí, sim, considero a proposta válida, com uma intenção bem bacana. Não quero ir para esse lado sensual”, declarou ela, que já teve mais de 40 cachorros em sua casa. 

Há dois anos no Brasil, a apresentadora afirmou que já se sente brasileira há bastante tempo e que nem precisou de período de adaptação. “Já comecei a me sentir antes de vir a morar aqui, pois sempre fui apaixonada pelo Brasil. Além disso, os brasileiros e os russos são muito parecidos. A forma de ser, o calor e essa alergria, nós também temos”, garantiu.

Ao comentar sobre a vontade de participar de um programa da dança – ela começou como jurada do exinto programa Se ela Dança Eu Danço, do SBT – Lola afirma que preenche a saudade com participações em espetáculos. “A dança é a minha vida. É claro que sinto falta, mas aquele foi o primeiro programa que eu fiz que envolvia dança. Antes, não trabalhava com esta proposta. Hoje, estou bem contente com o Cante Se Puder e e com algumas apresentações fora da TV”.

Já sobre o que mais gosta na música brasileira, ela afirma que costuma escutar e dançar os antigos sucessos. “Gosto muito da música brasileira, de um bom samba, de um bom pagode. Mas sou um pouquinho antiga, não escuto tanto os sucessos atuais. Fiquei mais na época do Zeca Pagodinho(53) e do Martinho da Vila(76)".