Jorge Vercillo lança disco 'em família'

O cantor Jorge Vercillo fala sobre seu novo projeto, que conta com a participação de sua mulher, Gabriela Vercillo

Publicado quarta 12 maio, 2010

O cantor Jorge Vercillo fala sobre seu novo projeto, que conta com a participação de sua mulher, Gabriela Vercillo
No deck, cantor celebra contrato com a Sony Music, a escolha do repertório do novo CD, só com músicas inéditas, e elogia o apoio da mulher, Gabriela. - PAULO JARES
O cantor e compositor Jorge Vercillo lança seu 8º álbum, DNA.O disco traz ao todo doze faixas, sendo dez canções inéditas, todas de sua autoria ou com a colaboração de parceiros habituais, como Dudu Falcão e Ana Carolina. Em conversa com o Portal CARAS, o cantor revela detalhes de sua intimidade e da inédita participação de sua mulher, Gabriela Vercillo, nesse novo projeto. - Como você define seu novo álbum? Seria um momento mais reflexivo de sua carreira? - O título DNA do meu 8º álbum vem marcar uma nova etapa da minha vida, ele reflete a minha identidade de forma completa, traduzindo o meu momento e buscando as minhas inúmeras visões do mundo e totalitárias do planeta, e também das minhas novas descobertas, na filosofia quântica, ufologia, cosmologia e diversos pensamentos que me inspiraram para este trabalho, e que tocam de maneira especial nas entrelinhas. - Um dos principais destaques deste disco é o dueto com o consagrado cantor Milton Nascimento. Como surgiu essa parceira? - Além de ser meu ídolo, o Milton já foi citado na música Tudo que Eu Tenho, do meu outro álbum. Já a música que abre o disco, Há de Ser, me inspirou a fazer o dueto com o Milton Nascimento, e acabei chamando-o para essa participação. - A música Deve Ser, parceira com Dudu Falcão, entrou como faixa bônus no disco. A música compõe a trilha sonora da novela Viver a Vida da TV Globo. Qual a importância de ter uma música como tema dos protagonistas da novela? - É de grande importância, pois a música alcança todos os níveis e classes sociais, e chega a toda massa popular. A escolha da música para compor o casal da novela foi do autor Manoel Carlos e do diretor Jayme Monjardim. - Quais são os futuros projetos de sua carreira? - No momento minha prioridade é a divulgação deste disco. E também da música Me Transformo em Luar. Já gravamos o clipe, que foi feito em Buenos Aires, na Argentina, lugar que me inspira muito. A direção do clipe foi do Fausto Vila Nova, mas também teve meu envolvimento desde a produção até o roteiro. E também continuar com o DVD Trem da Minha Vida gravado em 2009. - A letra da faixa Mémorias do Prazer foi feita com a participação inédita da sua esposa. É a primeira vez que a Gabriela colabora em um trabalho seu? - A participação da minha esposa foi totalmente ocasional. Eu já tinha essa melodia e a Gabi me ouvia cantarolando pela casa e acabou se envolvendo e colaborando na letra. A canção é um duo com a cantora Ninah Jo, e desde o inicio já pensava na voz dela nessa música. - E seus filhos, tiveram algum envolvimento neste trabalho? - Os meus dois filhos, Vinicius e Victor me acompanhavam nas gravações no estúdio Poeta Paulo Emílio, montado em minha casa, inclusive meu filho mais novo, o Victor, aparece em uma foto deitado de bruços no encarte do CD. O envolvimento foi tão grande que registramos esse momento. Eles ficavam brincando pelo estúdio enquanto eu gravava.

Último acesso: 06 Jul 2020 - 17:15:37 (144935).