Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

João Kleber volta à TV em horário nobre com programa para classes C e D

João Kleber volta ao Brasil para apresentar um programa em horário nobre voltado ao 'povão'. Ele conversa com CARAS Online e fala, ainda, que já tem um novo amor e sobre a amizade com Joana Machado

Kellen Rodrigues Publicado em 02/01/2012, às 11h12 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

João Kleber - Carlos Prates
João Kleber - Carlos Prates

Após seis anos morando em Portugal, João Kleber (53) está preparando sua volta ao Brasil. O apresentador já assinou contrato com uma emissora paulista para comandar uma atração em 2012. “Vou continuar fazendo um programa para as classes C e D, que eu acho que é o mercado”, contou à CARAS Online.

O novo programa será em horário nobre e ainda não tem data para estreia. “É um perfil polêmico, daquele jeito. Todo mundo sabe eu vou atrás de audiência, porque não se vive sem audiência, mas não vai ser apelativo”, diz. A emissora, por enquanto, ele mantém em segredo por determinação de contrato.

Com o retorno à TV brasileira, após sua participação no reality A Fazenda, da Record, João Kleber pretende se dividir entre os dois países, já que continuará no comando do Fiel ou Infiel na TVI Internacional. “No dia 12 de janeiro vou a Portugal para poder resolver as minhas coisas e vou ficar dividido entre Lisboa e São Paulo. Como aconteceu em 2005 quando eu estava na Rede TV!, que eu ficava 15 dias gravando lá e 15 dias gravando aqui. Só que dessa vez vai ser o contrário, eu vou ficar mais tempo aqui e menos tempo lá. Os programas vão ser gravados com mais antecedência”, explica.

Novo amor e a amizade com Joana

O affaire com Joana Machado (31), a vencedora da quarta edição do reality, ficou mesmo entre as cercas da fazenda. João Kleber já tem um novo amor e está namorando. “É uma empresária, não tem nada a ver com o meio (artístico)”, contou.

Da convivência com a personal trainer ficou a amizade. “A Joana é uma ótima pessoa, é fantástica. Uma pessoa que eu aprendi a admirar. Torço por ela, respeito ela, torço pela relação dela, acabei conhecendo o Juninho (namorado de Joana), por incrível que pareça, né? E ele me pareceu um grande cara, ele me cumprimentou, conversou comigo, foi um cara muito legal”.

João acredita que a ajuda da colega foi essencial em sua passagem pelo reality, sobretudo, pela carência no período de confinamento, e não poupa elogios à loira. “Eu fui o único participante da Fazenda que nesse aspecto tive uma certa desvantagem porque eu saí de Portugal, vim direto. Fazia quatro anos que eu não vinha ao Brasil, fiquei 10 dias trancado no hotel, saí direto pra fazenda”, lembra. “Então, a pessoa que eu mais me aproximei lá dentro e se aproximou de mim foi a Joana, a gente conversava muito. A gente tinha uma afinidade muito grande e aquelas coisas que aconteceram (affaire), foi um pouco de carência, um pouco pelas situações, mas ela é uma pessoa fantástica”.