Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Maestro João Carlos Martins alia o seu dom à gastronomia

No ano em que CARAS celebra duas décadas no Brasil, maestro João Carlos Martins estrela a Silver Collection

Redação Publicado em 19/02/2013, às 16h18 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Ele grava comercial de divulgação das 49 peças em inox da nova coleção gastronômica de CARAS. Make by Luciani e a ajuda de Sylvia. - Samuel Chaves
Ele grava comercial de divulgação das 49 peças em inox da nova coleção gastronômica de CARAS. Make by Luciani e a ajuda de Sylvia. - Samuel Chaves

Ele já foi tema do premiado documentário alemão A Paixão Segundo Martins, terá sua história contada em filme de Bruno Barreto (57) no qual será interpretado por Marcelo Serrado (46), e sua trajetória foi homenageada com o samba-enredo A Música Venceu, com o qual a Vai-Vai se consagrou vitoriosa no carnaval paulistano de 2011. Mas o pianista e maestro João Carlos Martins (72) nunca havia sido a estrela de uma coleção gastronômica. Por conta da relação mútua de carinho com CARAS, que comemora em 2013 seus 20 anos no Brasil, o músico aceitou o convite de promover a original e prática coleção CARAS Silver Collection. A partir do dia 27 de fevereiro, 49 peças em puro inox serão distribuídas gratuita e semanalmente com a revista nas bancas de todo o País — desde ralador universal e medidor de espaguete a porta-guardanapos e formas para cookies. “Depois de tantos momentos difíceis, com problemas nas minhas duas mãos, recomecei a minha vida aos 64 anos como maestro. CARAS sempre esteve ao meu lado. Sou grato a essa revista que o Brasil inteiro admira”, exalta Martins, ao gravar comercial de divulgação da coleção.

O filme, dirigido por Marcello Laruccia (45) e rodado no suntuoso Teatro Bradesco, em São Paulo, faz a ligação entre duas artes: a música e a gastronomia. Um lembrete de que, com a beleza e eficácia dos utensílios de aço 100% inoxidável, cada prato pode se tornar uma verdadeira obra-prima. Ao som de Tocata e Fuga, do alemão Johann Sebastian Bach (1685-1750), João Carlos regeu uma inusitada “orquestra” de profissionais com “instrumentos” da Silver Collection em punho. “Não cozinho, mas me sinto profundamente emocionado em reger chefs com produtos tão excepcionais e práticos para a culinária. O resultado é pura música”, assinala o maestro. “João realmente guiou como regente os cozinheiros. A sintonia com toda equipe foi total. Ele é uma pessoa única, iluminada, de alma grandiosa”, destaca Marcello, ao lado de Fernando Patah (54), seu sócio na Laruccia Produções Cinematográficas, responsável pela impecável produção do vídeo publicitário.

Com seu jeito único de se expressar com o rosto e as mãos enquanto conduz a música, o maestro mostrava comprometimento com a tomada ideal. “Ainda não considero esse meu gesto ideal, tem de ter precisão... Começou a ficar melhor agora... Quase!... Agora, sim!”, falava ele, entre uma tomada e outra. Perfeccionista ao extremo, sim, mas tudo sem tirar o sorriso do rosto. Com alto-astral contagiante, Martins não deixou dúvidas de estar à vontade. Após o término das filmagens, ele trocou a casaca por toque blanche e dólmã — respectivamente, chapéu e casaco que integram a indumentária dos chefs de cuisine — e posou para as lentes do editor de Fotografia de CARAS, Martin Gurfein (50), para os anúncios da campanha.

Sua conduta e simpatia foram elogiadas por toda a equipe envolvida, que incluiu Edu Fazzio (49), diretor de arte, Neko Freitas (40), operador de câmera cinematográfica, Antoninho Gomes (50), produtor, Ney Marques (52), seu produtor musical, Sylvia Ostronoff (63), figurinista, e Luciani Melo (51), responsável pelo cabelo e maquiagem. Diretores de criação da agência Havas Worldwide São Paulo, que assina a campanha de publicidade da Silver Collection, Celio Salles (38) e Pedro Souza (40) ressaltam que, com os utensílios de aço inox de alta qualidade, qualquer um pode se transformar no chef que sempre sonhou. “Com esses acessórios, a cozinha tradicional vai virar artística. Por isso, fizemos a conexão com a música. Ela e a gastronomia se combinam em uma manifestação criativa de como fazer as coisas simples da vida se tornarem mais interessantes”, explica Pedro. “Buscamos mostrar a coleção de uma maneira nunca vista antes. E a escolha pelo maestro não poderia ser diferente, é um nome de peso”, avalia Celio.

O renomado João Carlos Martins não é apenas um dos grandes artistas do Brasil, mas também conhecido mundialmente como um dos maiores intérpretes ao piano da obra de Bach. E, como o alemão, sempre apreciou os prazeres da mesa. “Bach foi um gourmet, existem várias cartas suas nas quais ele fala sobre como gostava de uma boa comida aliada a um bom vinho. Também cultuo a gastronomia. Meu prato preferido é um delicioso camarão à baiana”, diverte-se o carismático Martins.