Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Horóscopo: Como será o ano de 2012

Astrólogo Sergio Frug faz análise para o ano de 2012 e explica porque se fala tanto em fim do mundo

Redação Publicado em 28/12/2011, às 14h17 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

Como agirão os astros em 2012? O astrólogo Sergio Frug responde - Shutterstock
Como agirão os astros em 2012? O astrólogo Sergio Frug responde - Shutterstock

2012 será uma Sinfonia em Quatro Movimentos. Vamos a eles:

Primeiro Movimento – A Regência

O ano astrológico de 2012 será regido pela Lua, o que confere grande percepção e sensibilidade, incrementando o “sexto sentido” e favorecendo as virtudes femininas. Beneficia as qualidades da memória e aprimora o fluir das emoções. Sendo tão característico do espírito feminino, este astro certamente trará instabilidades, tornando mais difícil compreender certos acontecimentos. O segredo então é não tentar entender essas coisas, mas sim senti-las e reconhecê-las por nossas memórias e sensações internas. Confie na intuição!

Segundo Movimento – Netuno em Peixes

Já em fevereiro de 2012 este distante e poderoso astro regente do Amor Universal retorna ao seu signo de domicílio após longa viagem pelos quatro cantos do Zodíaco. Mais sábio e experiente, o deus dos mares certamente nos reserva surpresas de todos os níveis, pois lida com os mundos invisíveis, em que a Humanidade vai aos poucos começando a penetrar. Muitas crenças antigas serão dissolvidas e muitas visões espirituais desenvolvidas, numa profusão de novas ondas, marolas e tsunamis penetrando na cultura social. Aqui o segredo é escolher a sua própria onda, permitindo-se o privilégio de se entregar às grandes inspirações que o seu coração certamente vai revelar.

Terceiro Movimento – Trânsito de Vênus

Chegando ao meio do ano, este raro fenômeno cósmico acontece no início de junho. Muito semelhante a um Eclipse Solar, onde a Lua esconde o Sol dos nossos olhos, o planeta Vênus, regente do amor e da beleza, vai se interpor entre Gaia, a nossa Terra; e Hélios, o nosso Sol. Assim os raios solares terão que atravessar a atmosfera venusiana para chegar até nós, colorindo-se então pelos atributos de beleza, elegância, amor e qualidade de relacionamento gerenciados por esta divindade tão especial. Aqui, portanto, a dica é muito simples e óbvia: não faça nada sem amor! Permita que as mágoas se esgotem no ano da Lua e os ressentimentos se dissolvam nas difusas ondas de Netuno.

Quarto Movimento – o Alinhamento

Chegamos então ao gran finale da nossa Sinfonia 2012. O tom cósmico que nos atingirá no terceiro decanato do mês de dezembro vem sendo cantado e decantado em verso e prosa como os ventos do fim do mundo. Profecia maia antes de tudo, este alinhamento entre o Sol e o próprio centro da galáxia pode ser considerado como um “upgrade” nos atributos do planeta, da Humanidade e do próprio Sistema Solar como um todo. Estamos subindo de nível, evoluindo de uma consciência individual para uma consciência galáctica, muito mais ampla e coletiva. Já o que tende a terminar a partir desse “fim de mundo” não são as pessoas nem o planeta, mas sim as idéias, as crenças e limitações antigas. Há um novo farol a nos guiar, portanto o segredo é sem dúvida aproveitar este raríssimo alinhamento realinhando-se cada um de nós com a verdade mais profunda com que consiga se conectar...