Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Hebe Camargo morre aos 83 anos

Hebe Camargo morreu na madrugada deste sábado, 29, aos 83 anos, vítima de parada cardiorrespiratória . Relembre sua carreira, veja fotos, vídeos e a história da eterna dama da televisão brasileira

Redação Publicado em 29/09/2012, às 13h03 - Atualizado em 24/03/2020, às 15h59

Hebe Camargo - Edu Lopes
Hebe Camargo - Edu Lopes

Hebe Camargo morreu na madrugada deste sábado, 29, às 4h20. A apresentadora tinha 83 anos e dormia em sua casa no bairro do Morumbi, em São Paulo, quando sofreu uma parada cardiorrespiratória, informou a assessoria de imprensa do SBT. O contrato com a emissora foi acertado no começo deste mês.

De acordo com o site oficial da apresentadora, Hebe Camargo teria morrido às 11h55.

O corpo da apresentadora será velado ainda neste sábado no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista. 

Histórico

Nos últimos anos, Hebe se recuperava de um câncer no peritônio. Ela deu entrada no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, no dia 15 de agosto de 2012 para dar continuidade ao tratamento. Um mês antes, Hebe havia passado quatro dias internada para exames médicos. Em junho de 2012, ela fez uma cirurgia para retirada da vesícula. Em março, ela havia sido internada para uma cirurgia de emergência para a retirada de um tumor na alça do intestino. Em 2010, Hebe fez sessões de quimioterapia e uma cirurgia para a retirada de um tumor no peritônio, membrana que envolve o aparelho digestivo.

A deusa da juventude

A rainha do sofá e dama da televisão brasileira era para se chamar Beatriz, mas na última hora seus pais decidiram batizá-la de Hebe – nome da deusa grega da juventude. Nascida em Taubaté, interior de São Paulo, em 1929, ela era a caçula de seis irmãos.

Sua aventura pelo mundo artístico começou em 1943, quando se mudou para São Paulo com a família e começou a se apresentar em rádios como Carmem Miranda (1909 - 1955). Acompanhada de duas primas e a irmã Stella Camargo, ela formou o quarteto Dó-Ré-Mi-Fá – uma versão do grupo americano Andrews Sisters. Em seguida, ela criou a dupla caipira Rosalinda e Florisbela apenas com a irmã - a parceria musical das duas teve vida curta.

Hebe seguiu em carreira solo interpretando músicas como Moreno Lindo e Dora Dora. Ela passou a ser conhecida como Estrelinha do Samba e posteriormente como A Estrela de São Paulo. Sua ascensão como cantora lhe proporcionou convites para atuar no cinema ao lado de Mazzaropi (1912 - 1981) e no filme Quase no Céu (1949), de Oduvaldo Vianna (1892 - 1972). Ela também participou da última edição do Festival de Música Popular, defendendo a música Volta Amanhã.

Fuga da televisão

Hebe estava no grupo que foi ao porto da cidade de Santos buscar os equipamentos de televisão para inaugurar a Rede Tupi, a primeira emissora brasileira. Então, ela foi convidada por Assis Chateaubriand (1892 - 1068) para cantar o Hino Nacional no primeiro dia de transmissão da rede, em 1950, mas faltou para ir namorar. Hebe alegou que estava doente e pediu para sua grande amiga Lolita Rodrigues (83) substituí-la.

Em 1950, Hebe participou do programa Rancho Alegre. Mas apenas cinco anos depois foi ganhar sua própria atração, O Mundo das Mulheres, que é também o primeiro programa feminino da televisão brasileira.

Primeiro casamento

Em 14 de julho de 1964, Hebe se casou com o empresário Décio Capuano e interrompeu a carreira artística por pressão do marido. No dia 20 de setembro de 1965, nasceu seu primeiro e único filho, Marcello Camargo (46). Logo ela decidiu voltar à carreira.

Em 1966, a apresentadora estreou na TV Record o dominical Hebe Camargo, que teve como convidado Roberto Carlos (71) logo no primeiro dia. A atração batia recordes de audiência e chegou a ter 70% dos telespectadores assistindo ao programa. E todos artistas já queriam ser convidados para sentar no ‘sofá da Hebe’.

Divórcio, pausa na carreira e um novo amor

Com a carreira em alta, Hebe teve problemas no casamento e se divorciou em 1971. Dois anos depois, ela conheceu Lélio Ravagnani, que se tornou seu segundo marido. Os dois viveram juntos até 2000, quando Lélio morreu.

Após o divórcio, Hebe decidiu dar uma pausa em sua carreira para cuidar do filho. Ela ficou dez anos fora do ar, mas não foi esquecida pelo público.

Retorno

Em 1981, Hebe estreou nas noites de domingo na TV Bandeirantes. A atração posteriormente passou para as sextas-feiras, mas manteve bons índices de audiência. Após quatro anos no ar, a Band decidiu tirar o programa da grade.

Em 1986, após ser convidada por Silvio Santos (81), a apresentadora estreou no SBT. Ela apresentou o Hebe Por Elas – uma atração de entrevistas só com mulheres, às terças-feiras – e chegou a ter um programa nas tardes de domingo. Mas seu reinado foi consagrado às segundas-feiras, com o Programa Hebe.

Selinho!

Em 1997, Hebe recebeu Rita Lee (64) em seu programa. A cantora tinha o costume de dar selinhos como demonstração de carinho e não perdeu a chance de dar um beijo na apresentadora. Então, Hebe gostou da ideia e resolveu aderir ao ‘selinhos’ como sua marca registrada.

Pra Você

Em 1995, a gravadora EMI lançou um CD com os grandes sucessos da apresentadora. Hebe retomou a carreira de cantora em 1999, quando gravou o disco Pra Você. Ela saiu em turnê pelo país. Dois anos depois, ela lançou o álbum Como É Grande O Meu Amor Por Você – Hebe e Convidados, com participações de Chico Buarque (68), Caetano Veloso (70), Ivete Sangalo (40), Fábio Junior (58) e outros artistas.

Em 2010, ela gravou seu primeiro DVD com convidados especiais no Credicard Hall, em São Paulo.

RedeTV! e volta ao SBT

No dia 13 de dezembro de 2010, após apresentar sua atração, anunciou que estava saindo do SBT depois de quase 25 anos. Sua última aparição na emissora foi ao ar no dia 27 daquele mês. No ano seguinte ela estreou na RedeTV!. Em setembro de 2012, Hebe retornou ao SBT. 

Ao todo, contabiliza 17 trabalhos na TV entre os anos de 1950 e 2011, seis trabalhos no cinema e oito trabalhos com música.

:: COBERTURA COMPLETA

Acompanhe as últimas notícias sobre a morte da apresentadora Hebe Camargo

:: MAIS GALERIAS

Após cirurgia, a diva Hebe fala sobre fé, desejo e Roberto Carlos
Ivete Sangalo e Hebe Camargo trocam mensagens carinhosas no Twitter
Internada, Hebe Camargo posta foto com leão de pelúcia e brinca: 'Não falei que levava o Rei para a cama?'
Gloria Pires visita a apresentadora Hebe Camargo no hospital
No hospital, Hebe Camargo agradece carinho dos fãs
Hebe Camargo grava campanha de doação de órgãos em sua casa