Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

GRANDE PRÊMIO DO CINEMA BRASILEIRO

DIRA PAES, NEY LATORRACA, XUXA LOPES E JOÃO MIGUEL: REVERÊNCIA À PRÓPRIA ARTE

CARAS Digital Publicado em 25/04/2007, às 12h30 - Atualizado em 31/01/2019, às 16h53

No Golden Room do Copacabana Palace, Rio, estrelas do cinema brasileiro festejam a quinta edição da festa, que distribui troféus em 21 categorias
No Golden Room do Copacabana Palace, Rio, estrelas do cinema brasileiro festejam a quinta edição da festa, que distribui troféus em 21 categorias

por Karine Tavares Astros e estrelas que brilharam nas telas em 2005 e 2006 esbanjaram elegância na quinta edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. Inspirados pelo luxo do Copacabana Palace, a maioria dos convidados não abriu mão do traje de gala, como Dira Paes (38), que exibiu glamour em um longo da Tessuti com jóias H.Stern. "Escolhi um vestido elegante, porém simples. Queria estar bonita para o público, mas sem exageros", disse ela, que apresentou a noite com o ator João Miguel (37), de Cinema, Aspirinas e Urubus, grande vencedor com cinco prêmios. O júri é formado por membros da Academia do Cinema Brasileiro, que reúne profissionais e notáveis da sétima arte e é presidida pelo diretor Roberto Faria (57). Carla Camurati (46), diretora-tesoureira da Academia do Cinema Brasileiro e uma das organizadoras da cerimônia, elogiou a elegância das convidadas, mas realçou ainda a beleza do próprio evento."Essa festa é importante porque é feita pela classe de atores para a própria classe. E é essa idéia que torna a noite tão bonita", declarou Carla, ao lado de Xuxa Lopes (53). No clima da festa, a atriz optou por dar um toque bem pessoal ao seu figurino: cores fortes e vestido na altura do joelho. "Longo não tem a minha cara. E usei vermelho porque tem a ver comigo, é marcante", disse Xuxa, que vestiu um modelito da grife Maria Bonita para dividir o palco com o ator Ney Latorraca (62). Ambos substituíram os apresentadores oficiais da noite durante a entrega de prêmios em categorias nas quais Dira e João Miguel concorreram. Bem mais tradicional, Glória Pires(43), indicada como Melhor Atriz por Se Eu Fosse Você, apostou em um clássico longo de tom escuro da grife paulista Huis Clos. "Se vestir bem em um evento como esse é símbolo de respeito e dedicação. Não teríamos festas como esta se o cinema nacional não estivesse em um momento tão importante. O prêmio é um carinho para quem trabalha com cinema", disse Glória.FOTOS: MARCELO BRUNO/KDL