Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Gisele Bündchen: 'Falavam que eu tinha tanto defeito'

Gisele Bündchen dá dicas para aspirantes a modelo e mostra lado descontraído ao subir no palco: 'Vim aqui cantar. Brincadeira...'

Redação Publicado em 05/06/2012, às 16h27 - Atualizado em 09/06/2012, às 17h49

Gisele Bündchen - PhotoRioNews
Gisele Bündchen - PhotoRioNews

Gisele Bündchen (31) teve um encontro com 30 meninas cariocas que sonham em trabalhar como modelo durante um evento no Rio de Janeiro nesta terça-feira, 5. A übermodel participou do lançamento oficial da competição Top Cufa Brasil, que revela as jovens modelos que moram nas favelas brasileiras. Com look despojado, incluindo jeans e blusa larguinha, ela deu dicas para as meninas, como técnicas de desfile e truques de beleza.

Assim que subiu ao palco, Gisele mostrou o seu lado descontraído. “Vim aqui cantar. Brincadeira... Esse não é um dos meus talentos, infelizmente”, brincou ela antes de começar a dar conselhos para as aspirantes a modelo. “Tenho 17 anos de carreira. Também comecei em um concurso, em 1994. Fiquei em segundo lugar no Brasil, fui pra fora e lá fiquei em quarto. As pessoas acham que só quem fica em primeiro é a vencedora. Minha trajetória prova que não é assim”, comentou.

Com tantos anos nas passarelas, Bündchen comenta os 'nãos' que recebeu logo no início da carreira. "Realizei muitos sonhos. Ainda tenho muita coisa para realizar, mas profissionalmente me sinto privilegiada. E vocês não imaginam o tanto de 'não' que recebi. Falavam que eu tinha tanto defeito, até olho pequeno. Você começa a ficar desanimada, mas é questão de gosto. Não pode levar para o lado pessoal. Logo no começo, fiz 42 castings em Londres e recebi 42 nãos. No último que fiz, era para o Alexander McQueen. Ele estava sentado em um sofá e pediu para eu calçar um salto impossível. Pensei que ia quebrar meu pé, mas consegui caminhar e ele me escolheu para o desfile. Foi meu grande break. E no mundo fashion é assim: você tem que estar no lugar certo na hora certa. Nessa época, eles só queriam modelos muito magras e tatuadas. De repente teve uma virada e passaram a procurar meninas saudáveis. Eu estava lá tentando há 3 anos e sempre fui saudável!", revelou a modelo, que ainda deu a sua dica bem-estar. "A beleza pode ser mil coisas, está em tudo e vem de dentro"

Em seu discurso, a modelo revelou a importância das candidatas saberem explorar o próprio corpo. "Até hoje quando acordo e vou trabalhar, me sinto grata. Não pode tirar o pé do chão. Sempre tive muita determinação, foco. Sempre dei 110 % de mim. E tratei todo mundo igual. Todos somos especiais e únicos. Ninguém é melhor que ninguém. E nesse negócio - porque é um negócio - não é só ser bonita e posar pra foto. O meu rosto, por exemplo, é superanguloso. Tem luzes que não funcionam. E cada fotógrafo tem um estilo, um gosto. Eu era realmente terrível. Ninguém estava achando minhas fotos legais no começo, mas eu também não sabia fotografar. Fui melhorando com o tempo, aprendendo luz, ângulos, roupas. Tem que saber passar emoção na foto sem dizer uma palavra, encarar personagens diferentes, ser uma camaleoa. Tem que estudar seu rosto e sua linguagem corporal", disse.

Outra dica da übermodel é sempre se preocupar com a saúde. "Quando comecei, vivia correndo e não tinha tempo pra mim. Era meio robótica, automática no trabalho. Quando aprendi a me alimentar melhor, fiquei mais feliz e consegui equilibrar minha vida, meu trabalho. Você até aparentar estar mais bonita. Se está chateada, depressiva, aparece na sua áurea. Tudo é energia. Você carrega isso. Quando faco exercício, me sinto mais leve, segura, centrada. E você está sendo julgada por sua aparência física. Se você tem bom coração, sua personalidade só aparece depois. Hoje, depois de 17 anos, as pessoas gostam que coloque minha personalidade no trabalho"

E falando em personalidade, ela, que é reconhecida mundialmente pelo seu caminhar característico na passarela, afirmou que sente um friozinho na barriga antes dos desfiles. "Sempre achei que passarela era meu forte, mas sentia muito nervosismo. É um monte de gente te assistindo e eu não ficava confortável. Mas consegui vencer esse medo imaginando uma luz no fim da passarela e seguindo essa luz, sem me importar nem se o sapato quebrasse. Pedia pra Deus me proteger, me iluminar e pronto. Mas sempre acho que posso fazer mais, sempre quero dar o meu melhor e por isso ainda sinto frio na barriga"

Sendo uma das mais bonitas do mundo, Gisele disse que tem momentos em que não se sente tão linda. "Não me sinto todo dia sempre linda. Quando me sinto mal, lembro de ser grata e fico feliz. A meditação me ajuda a respirar melhor, me acalmar"

A competição do Top Cufa Brasil será dividida em quatro etapas, sendo que a final será realizada no dia 14 de setembro no Rio de Janeiro. No do lançamento, Gisele doou uma tiara que usou em sua estreia na Sapucaí para coroar a vencedora do concurso. O primeiro lugar ganha um contrato com uma agência de modelos. Gisele deixou a tiara com MV Bill, que faz parte da Cufa. "Essa tiara tem muita energia positiva. Vou deixar com você, MV Bill, mas não vá usar secretamente à noite porque a gente vai saber se ficar mais larga", brincou ela, sendo loga respondida por ele. "Estou sofrendo bullying da Gisele Bündchen", disse, entre risos.  

MV Bill festejou a parceria com a modelo. "É uma grande satisfação pra mim porque é o tipo do evento que é muito mais que moda, mexe com beleza e autoestima. E, apesar de ter apenas uma vencedora, mexe com o coletivo. Tendo uma top como a Gisele como madrinha, agora é só autoestima elevada", comentou ele. A atriz Juliana Alves também fez questão de prestigiar o evento. "Sempre que posso prestigio os eventos da Cufa, e este é muito especial porque é para elevar a autoestima das meninas da comunidade. Tive vários 'nãos', mas eles não me fizeram desistir. Quando percebia que o 'não' era por causa da minha condição social ou aparência, esse biotipo tão brasileiro, ficava ainda mais incentivada a seguir em frente. E hoje posso compartilhar essas conquistas. Você tem que acreditar na sua beleza, no seu potencial, no seu Deus interior e seguir em frente".

Assim que terminou de conversar com o público presente no lançamento, Gisele foi embora sem comentar os boatos de que estaria grávida do segundo filho e saiu acompanhada do apresentador e amigo Luciano Huck(40).