Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Bündchen fala de Benjamin no Faustão

Gisele Bündchen conta no 'Domingão do Faustão' que não dorme direito há seis meses, desde que Benjamin nasceu, e que ele é a coisa mais importante da vida dela

Redação Publicado em 13/06/2010, às 21h16 - Atualizado em 14/06/2010, às 10h33

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Gisele Bündchen e Benjamin - Divulgação
Gisele Bündchen e Benjamin - Divulgação
A modelo brasileira Gisele Bündchen foi a entrevistada especial do programa Domingão do Faustão de hoje, 13 de junho. Direto dos bastidores do São Paulo Fashion Week, onde está se preparando para desfilar pela grife Colcci nesta noite, Gisele conversou com Fausto Silva e alguns famosos que estavam no palco, como Regina Martelli, Juliana Paes, Alexandre Pires e Ana Maria Braga. Eles conversaram sobre o pequeno Benjamin, de seis meses, fruto do casamento com Tom Brady, sobre a carreira de modelo e o meio ambiente. A participação da top model começou com Faustão relembrando o dia em que ela foi pela primeira vez à atração, em 1994, no Teatro Fênix, no Rio de Janeiro. Ele mostrou uma foto da plateia daquela época e Gisele tentou encontrar seus familiares. Depois foi a vez da atriz Juliana Paes fazer uma pergunta para Bündchen. Aproveitando que está grávida de três meses de seu primeiro filho, a atriz perguntou sobre o momento do parto, que em breve irá ter que passar também. "O que me ajudou foi que eu me preparei muito, assisti alguns filmes sobre parto. Quando chegou a hora, eu estava feliz e queria muito conhecer ele. Na verdade eu nem sabia que se era menino ou menina, então estava um pouco mais ansiosa. Na minha cabeça não tinha outra opção, queria ter meu filho em casa. Foi a melhor opção da minha vida", respondeu Gisele, que teve um parto humanizado em sua casa de Boston, Estados Unidos. O pequeno Benjamin continuou sendo o assunto na pergunta do cantor Alexandre Pires, que questionou a top sobre o que mais mudou na vida dela com a chegada do bebê. "Ele é a coisa mais importante da minha vida. Quero ser a melhor mãe, quero que meu filho tenha orgulho de mim. Mesmo com noites sem dormir, eu não durmo há seis meses, cada sorrisinho dele é importante. É o melhor presente que Deus pode dar para um ser humano", disse ela. Fausto aproveitou o gancho e quis saber algo que a mãe de Gisele falava para ela e que só agora, depois que foi mãe, ela entende e também sente. "A minha mãe sempre dizia: 'Um dia você vai ver como que é dar preocupação'. Eu saí de casa com 14 anos e falava para ela, não se preocupa, não se preocupa, quando eu não ligava. Agora eu vejo como é, a preocupação só cresce", afirmou. A figurinista de jornalismo da Rede Globo, Regina Martelli voltou o tema da conversa para a profissão de Bündchen. Ela perguntou o que a modelo recomenda para as meninas que querem seguir a mesma carreira que a famosa. "A primeira coisa é ter o biótipo para a profissão. É ruim quando a mãe coloca pressão na filha, que pode não ter a altura necessária. Eu tenho um metro e oitenta centímetros, é difícil ser modelo com um metro e sessenta. A menina que a mãe quer que seja modelo poderia ser uma ótima médica ou advogada. Segundo é ter uma base familiar, mas não uma que puxe. Os valores que a família coloca...porque esse mundo é meio maluco. Tem que ter saúde, se cuidar. Esse meio não é para todo mundo, não é que você não é especial, você é especial para outra coisa. E nunca esqueça das suas origens", comentou. Ana Maria Braga quis saber como a mamãe de Benjamin consegue levar a sua carreira sem cair no lado ruim da profissão, da falsidade. "Eu acho que é a educação, afinal tudo acontece ao seu redor. Já vi muitas meninas desistirem. Não tinha dinheiro, não tinha nada quando comecei, hoje ganhei muita coisa. Hoje sou feliz, tenho meus amigos, minha família", falou. Para finalizar o bate papo, ela mandou uma mensagem sobre o meio ambiente e Fausto Silva perguntou sobre a tese de fazer xixi no banho. "Eu faço isso há muito tempo. Esse é o ano da biodiversidade do mundo. Esse Brasil é rico, vamos proteger esse nosso maior tesouro. Quero falar para todos vocês prestarem atenção e ajudarem a proteger o meio ambiente", afirmou.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!