Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Gisele Bündchen escultural na amada Costa Rica

Mais linda que nunca após dar à luz Benjamin, ela posa de biquíni no país onde curte as raras férias

Redação Publicado em 05/07/2010, às 15h11 - Atualizado em 11/07/2010, às 17h43

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Menos de seis meses após dar à luz, Gisele fotografa na Costa Rica, onde mantém casa de veraneio para relaxar com o marido, Tom, e o herdeiro, Benjamin. - The Grosby Group
Menos de seis meses após dar à luz, Gisele fotografa na Costa Rica, onde mantém casa de veraneio para relaxar com o marido, Tom, e o herdeiro, Benjamin. - The Grosby Group
Entrar em um biquíni e desfilar impecável pela praia é o sonho de muitas mamães depois de dar à luz. A escultural Gisele Bündchen (29) conseguiu o feito menos de dois meses depois de trazer Benjamin (6 meses) ao mundo. Linda e perfeita, prestes a completar 30 anos no dia 20 de julho e 15 de carreira esse ano, a top escolheu a Calzedonia, marca italiana de moda praia, para regressar em alto estilo aos anúncios de beachwear. A locação não poderia ser mais paradisíaca: a Costa Rica, país onde ela mantém casa de veraneio, na praia de Mal País, e passa temporadas de férias com o marido, o jogador de futebol americano Tom Brady (32), e o filho. Foi lá também onde, em abril de 2009, o casal celebrou a segunda cerimônia de casamento, dois meses após a boda, em Santa Mônica, Califórnia. Nos cliques, feitos em locais que a modelo mais gosta na região, a gaúcha mais famosa do planeta exibe moderna linha de maiôs e biquínis em jeans, cores brilhantes, lisas ou em degradê, algumas com achas. Trata-se da segunda vez que a modelo mais bem paga do mundo posa com as peças para a produção de catálogo e vídeo, ainda inéditos. Feitas em fevereiro, as fotos ficaram a cargo de Matt Jones, filho de Terry Jones (64), criador da revista inglesa de moda e comportamento i-D, e autor de retratos de poderosos como Gwyneth Paltrow (37) e Lindsay Lohan (24), Justin Timberlake (29), e a própria Gisele, fã do seu trabalho. Para voltar à forma perfeita em tão pouco tempo, a bela conta que se preparou diariamente para a chegada do herdeiro. Um programa integrado de yoga e kung fu light e exercícios de respiração e relaxamento diários a ajudaram a recuperar a silhueta. De volta ao batente, ela aliou uma seleção criteriosa de trabalhos, como a já tradicional participação no desfile da Colcci, no São Paulo Fashion Week, a hábitos cada vez mais saudáveis de vida. Recentemente, por exemplo, Gisele foi vista fazendo compras no Farmer's Market, em Santa Mônica, ponto de venda de produtos orgânicos. Aos amigos e fãs, sugere consciência em relação à preservação do meio-ambiente. São atitudes que vão desde não deixar o carregador de celular ligado quando o aparelho não estiver conectado ao mesmo à compra de fraldas infantis de algodão orgânico, que não agridem a natureza por evitarem grande quantidade de produção de resíduos. "Sei que toda essa questão muitas vezes parece estar distante de nós. A verdade é que não temos certeza de nada: se a Antártida vai derreter, se os ursos vão ser extintos, se vamos ter água boa pra beber, se o oceano vai inundar nossas praias ou se a Terra vai ficar insuportavelmente quente A única certeza que temos é que podemos ter atitudes melhores no dia a dia para diminuir o impacto que causamos no planeta. É nossa obrigação", prega a top. Em seu blog, ela fornece ainda dicas a quem estiver interessado em aderir à sua causa, como usar papel reciclado, plantar árvores, abastecer o carro com etanol e pagar contas online, o que evita uso de transporte. Ainda em sua cruzada pela preservação da biodiversidade, Gisele gravou dois vídeos para campanha do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, o Pnuma, sobre o Ano Internacional da Biodiversidade, celebrado em 2010. As mensagens duram de 15 e 30 segundos, são ditas em português, e já estão disponíveis na web. Em entrevista exclusiva à Rádio ONU, ela disse que há mais de seis anos busca maior conscientização global sobre a questão ambiental." Acho importantíssimo as pessoas saberem e se interessarem pelo que se passa com o planeta. Essa é a nossa casa, se a gente não cuidar dela, onde vamos ficar? Temos de saber que não dá para abusar, desmatar e não se preocupar com o que vai ser daqui a 50 anos", afirma.