Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Filho de Michael Douglas pode ficar preso

Cameron Douglas é acusado, pela agência antidrogas dos EUA, de envolvimento com tráfico de drogas desde 2006 e pode ficar preso 10 anos

Redação Publicado em 07/08/2009, às 12h42 - Atualizado às 13h11

Cameron Douglas e Michael Douglas - Reprodução
Cameron Douglas e Michael Douglas - Reprodução
Cameron Douglas, um dos filhos do ator americano Michael Douglas, pode ser condenado a dez anos de prisão sob a acusação de envolvimento com tráfico de drogas desde 2006. De acordo com informações divulgadas nesta sexta-feira, 7, pela agência antidrogas dos Estados Unidos (DEA, em inglês), Cameron, de 30 anos, vendeu metanfetamina nos últimos anos. Acusado de ter posse de uma quantidade igual ou superior a 500 gramas dessa droga com intenção de vendê-la, o filho de Michael Douglas foi detido no final do mês de julho no hotel Gansevoort, em Nova York. Segundo as autoridades, antes de ser preso, ele tinha aceitado US$ 15 mil, aproximadamente R$ 27 mil, em dinheiro, em troca de meia libra de metanfetamina (226 gramas). No texto de acusação do DEA, há a transcrição de parte de uma conversa telefônica que Cameron teve com um comprador, que, após fechar a transação e provar a mercadoria, disse que "os sais de banho são fabulosos". A conversa em código foi gravada no dia 23 de julho a partir do telefone do quarto que Cameron alugava no hotel nova-iorquino. Não foi a primeira vez que Cameron Douglas, que já fez alguns papéis no cinema e ocasionalmente trabalha como DJ, foi preso. Em 2007, ele foi detido na Califórnia por possuir uma seringa e uma garrafa com cocaína líquida em seu carro.