Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

FHC: ‘Itamar era um homem digno’

Abalado com a morte de Itamar Franco, Fernando Henrique Cardoso ainda não decidiu se irá ao velório do amigo

Redação Publicado em 02/07/2011, às 18h12 - Atualizado às 18h28

Fernando Henrique Cardoso lamentou a morte de Itamar Franco - Roberto Filho/Agnews
Fernando Henrique Cardoso lamentou a morte de Itamar Franco - Roberto Filho/Agnews

Sucessor de Itamar Franco na Presidência da República e ex-ministro do governo dele, Fernando Henrique Cardoso (80) lamentou a morte do ex-presidente neste sábado, 2. Em entrevista coletiva em São Paulo, FHC disse que Itamar era caracterizado por um comportamento ético e irretocável e por ser uma pessoa persistente. “Quando tinha um objetivo, ele ia lá”.

“Itamar era um homem  digno, que não se deixava levar pelo fascínio do poder e não aceitava a corrupção”, declarou o ex-presidente. Fernando Henrique também falou sobre o período em que eles trabalharam juntos no Governo. “Fui ministro do Exterior (das Relações Exteriores) do Itamar, pois nos conhecemos no Senado, mas não tínhamos uma relação mais próxima no Senado, embora muito boa e cordial, e ele me surpreendeu me nomeando ministro do Exterior e mais tarde, da Fazenda. Nesta época se não fosse o apoio decisivo do Itamar não poderia ter feito o Plano Real, porque nenhum plano desta magnitude se faz sem apoio do presidente”, declarou.

Por enquanto, Fernando Henrique ainda não decidiu se irá ao velório de Itamar Franco em Juiz de Fora, Minas Gerais, neste domingo, 3, por estar abalado com a morte de alguns amigos recentemente. “Eu também tenho meus 80 anos e também não sei se terei condições de ir”.

Itamar Franco morreu neste sábado, 2, em São Paulo após um acidente vascular cerebral. Ele estava sendo tratado por uma pneumonia decorrente de uma leucemia aguda.