Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Edu Lobo protagoniza o auge da MPB

Em família, emoção com filme que disseca o festival de 1967

Redação Publicado em 02/08/2010, às 13h59 - Atualizado em 06/08/2010, às 17h09

Vencedor do festival com Ponteio, Edu entre a nora, Úrsula, o filho, Bena, e a prima Dulce. - IVAN FARIA
Vencedor do festival com Ponteio, Edu entre a nora, Úrsula, o filho, Bena, e a prima Dulce. - IVAN FARIA
Com certo saudosismo, o cantor e compositor Edu Lobo (66) assistiu no Unibanco Arteplex, Rio, à première do documentário Uma Noite em 67, sobre a final do III Festival de Música Popular Brasileira da TV Record. Vencedor do evento, com Ponteio, em parceria com Capinam (68), ele relembrou a época, marcada pela efervescência da cultura nacional e mudanças no cenário político e comportamental do país. "Me xingavam na rua dizendo que iria perder. É engraçado, emocionante e nostálgico rever tudo isso", confessou o músico, ao lado do filho, Bena Lobo (37), da nora, Úrsula Corona (28), e da prima Dulce Lobo. Na sessão estiveram presentes ainda os atores Marcello Novaes (47) e Marcelo Serrado (43) e os diretores, Ricardo Calil (37) e Renato Terra (29), com as mulheres, Maria Flor (32) e Marina (30).