Dona Lily com Joachim e Marie

Ela organiza recepção a príncipes da Dinamarca em sua casa

Publicado quarta 22 setembro, 2010

Ela organiza recepção a príncipes da Dinamarca em sua casa
Em cadeira de rodas, Lily, que se recupera de fratura no fêmur, recebe para jantar, no Rio, os nobres Marie Cavallier e Joachim, quarto na sucessão ao trono dinamarquês. - IVAN FARIA
Há alguns anos, dona Lily Marinho (89) recebeu na mansão da família em Angra dos Reis, litoral fluminense, a rainha Margrethe II (69), da Dinamarca. "Lembro que ela ficou três dias lá. Foi um encontro muito agradável", contou a viúva do empresário e jornalista Roberto Marinho (1904-2003), que voltou a abrir a casa para a realeza do país europeu. Em viagem oficial ao Brasil, o príncipe Joachim Holger Waldemar Christian (39), o quarto na linha de sucessão ao trono, compareceu com a mulher, Marie Cavallier (33), ao jantar organizado pela grande dama da sociedade carioca em sua residência no Cosme Velho, Rio. "Conheço toda a família. É um prazer enorme recebêlos. Achei a princesa simples e simpática", elogiou a anfitriã. Lily, sempre acompanhada do neto Anthony Fernandes Costa (11) e do seu mordomo, Edgard Peixoto (52), fez questão de cumprimentar todos, mesmo se locomovendo em cadeira de rodas por conta de uma fratura no fêmur, há cerca de três meses. "Estava saindo da banheira e caí. Quando ando, meu joelho ainda dói muito", contou para convidados como o casal dom Pedro de Orleans e Bragança (64) e Fátima (58), a consulesa da Noruega, Renata Olesen (67), e a diplomata Merete Juhl Danish (38). Caçula de Margrethe com o príncipe consorte Henrik (76), Joachim agradeceu o carinho de Lily, dando-he de presente um porta-retrato com a foto dele e de Marie. Os dois estão casados desde 2008 e têm um filho, Henrik Carl Joachim Alain (1). O príncipe também é pai de Nikolai (10) e Felix (7), da primeira união com a condessa Alexandra Christina (45). "Fomos muito bem recebidos aqui. Nos sentimos entre amigos", afirmou o nobre, ao lado do casal Maibrit Thomsen (37), diretora do Instituto Cultural da Dinamarca, e Felipe Faria da Costa (32). Em sua primeira viagem ao Brasil, Marie comentou sobre o desejo de retornar em breve. "As pessoas aqui são calorosas, hospitaleiras e espirituosas. A natureza é linda! E chama a atenção também os contrastes existentes na cidade", afirmou ela, comovida com a receptividade de Lily. "Não a conhecia. E achei o jardim da casa maravilhoso. Nunca vi nada igual", comentou, referindo-se à exuberância da parte externa, que tem cachoeira, lago com carpas e criação de flamingos. A noite foi embalada pelo piano de Vicente Quintella (53) e teve menu assinado pelo chef francês Claude Troisgros (51), que serviu codorna recheada com foie gras e molho de jabuticaba e acelga refogada. A sobremesa, crepe passion, com molho de maracujá, também foi aprovada pela embaixatriz Thereza Castello Branco (82), a médica Célia Giesta (59) e a jornalista Hildegard Angel (60).
Anthony com a avó e Edgard. / foto: IVAN FARIA
Renata, Merete e o casal Felipe e Maibrit. / foto: IVAN FARIA
A princesa com dom Pedro. / foto: IVAN FARIA
Thereza, Célia e Hilde. / foto: IVAN FARIA
Joachim presenteia Lily com uma foto sua e de Marie. / foto: IVAN FARIA
A anfitriã com o casal dom Pedro e Fátima. / foto: IVAN FARIA
O pianista Vicente Quintella anima a noite na mansão da viúva do jornalista Roberto Marinho (foto). / foto: IVAN FARIA
Em cadeira de rodas, Lily, que se recupera de fratura no fêmur, recebe para jantar, no Rio, os nobres Marie Cavallier e Joachim, quarto na sucessão ao trono dinamarquês. / foto: IVAN FARIA

Último acesso: 15 Jan 2021 - 12:59:25 (151406).

Leia também

TV CARAS