Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Dilma chora a morte de jovens em incêndio no RS

A presidente Dilma Rousseff leva o seu apoio às famílias em Santa Maria

Redação Publicado em 29/01/2013, às 15h11 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

- - Germano Roratto
- - Germano Roratto

A cidade de Santa Maria, RS, acordou no domingo, dia 27, em choque com a morte de 233 jovens, vítimas de um incêndio em boate local. Informada da tragédia, a presidente Dilma Rousseff (65) saiu de Santiago, Chile, onde se reunia com chefes de Estado sul-americanos, da União Europeia e do Caribe, e voltou ao Brasil para prestar solidariedade à população. Dilma visitou as famílias das vítimas no ginásio de esportes do município. “Neste momento de tristeza, estamos juntos”, disse a presidente, com voz embargada. Já em Brasília, ela mobilizou cinco ministérios para dar total apoio no que for necessário e declarou luto oficial de três dias. A suspeita é de que o fogo tenha começado com um efeito pirotécnico durante show do grupo Gurizada Fandangueira. Para ajudar a esclarecer os fatos, a Justiça decretou a prisão temporária de quatro pessoas, entre elas, membros da banda e sócios da boate.