Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

Dermatologista de Michael Jackson pode perder licença médica

Depois da polêmica com Conrad Murray, médico condenado pela morte de Michael Jackson, outro doutor do astro é investigado e corre o risco de ter sua licença revogada

Redação Publicado em 31/07/2012, às 04h41 - Atualizado em 19/09/2012, às 21h17

Dr. Arnold Klein, dermatologista de Michael Jackson, está sob investigação e pode perder sua licença médica - Getty Images
Dr. Arnold Klein, dermatologista de Michael Jackson, está sob investigação e pode perder sua licença médica - Getty Images

Mais um médico de Michael Jackson (1958-2009) está em maus lençóis para a comissão médica norte-americana. Dr. Arnold Klein, o ex-dermatologista do rei do pop está sob investigação e já conta até com um pedido oficial de revogação de sua licença médica.

A pessoa por trás do pedido é Linda Whitney, diretora do Conselho Executivo de Defesa do Consumidor dos Estados Unidos, que abriu o processo sob a alegação de que Arnie teria se recusado a passar por exames obrigatórios físicos e mentais, violando diretamente as ordens do conselho.

Arnie, amigo próximo de Michael Jackson e um dos médicos que prescrevia as quantidades massivas de remédio que o cantor tinha em casa, foi ordenado a passar por exames durante o processo de investigação sobre uma denúncia anônima de 2010 que alegava atendimento precário a dois pacientes. Os pacientes não se identificaram, por isso não se pode afise um dele era Michael Jackson.

O médico foi ordenado a realizar exames mentais e físicos e não realizou sob a condição de saber quem eram os pacientes por trás da alegação. Contatados pelo TMZ, um representante de Arnie Klein afirmou: “Estamos dispostos a cooperar, só queremos saber as razões por trás da investigação. Estamos otimistas que o tribunal será justo”.