Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Corpo de Itamar é velado em Juiz de Fora

O corpo do ex-presidente Itamar Franco já está na Câmara de Vereadores de Juiz de Fora

Redação Publicado em 03/07/2011, às 12h30 - Atualizado às 14h27

Corpo de Itamar Franco chega à Câmara de Vereadores de Juiz de Fora - Vladimir Platonow/ABr
Corpo de Itamar Franco chega à Câmara de Vereadores de Juiz de Fora - Vladimir Platonow/ABr

O corpo do senador e ex-presidente Itamar Franco já chegou à Câmara de Vereadores de Juiz de Fora, Minas Gerais, onde será velado durante todo o domingo, 3. A chegada do caixão foi muito aplaudida por centenas de admiradores que aguardavam na entrada do prédio.


Segundo a Agência Brasil, do Aeroporto da Serrinha até a Câmara Municipal de Juiz de Fora, o caixão com o corpo de Itamar foi transportado em cima de um caminhão do Corpo de Bombeiros, sempre aplaudido pelas ruas por onde passou.


O parlamentar morreu aos 81 anos no sábado, 2, após um AVC, no Hospital Israelita Albert Einstein, onde estava internado desde 21 de maio para tratamento de leucemia.


O corpo de Itamar foi levado de São Paulo para Minas Gerais em um avião da Força Aérea Brasileira. A presidente Dilma Rousseff (63), o vice-presidente Michel Temer (70) e os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva (65), Fernando Collor (61), José Sarney (81) e Fernando Henrique Cardoso (80) são aguardados no velório.


O acesso da população ao velório será aberto após uma cerimônia reservada à família e às autoridades.

Condolências de Portugal
O presidente português, Cavaco Silva (71), enviou no domingo, 3, à presidente Dilma uma mensagem de condolências pela morte do ex-presidente. Na mensagem, ele lamenta a morte de Itamar, e diz que o ex-presidente será sempre lembrando como “uma das figuras mais marcantes da sua geração, um homem íntegro e de convicções, com uma vida pública dedicada à defesa dos valores da democracia, da justiça e do progresso econômico e social do povo brasileiro.”


“O seu legado inclui ainda uma inestimável contribuição para o aprofundamento das relações entre Portugal e o Brasil, permanecendo viva, entre nós, a memória das suas qualidades humanas e da sua sincera amizade pelo nosso país”, afirmou Cavaco Silva.