Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Conheça Janaína e Zezé, as empreguetes de Carminha em ‘Avenida Brasil’

Intérpretes de Janaína e Zezé – as empregadas de Carminha – as atrizes Claudia Missura e Cacau Protásio falam da divertida repercussão de suas personagens

Redação Publicado em 14/06/2012, às 15h46 - Atualizado às 16h07

Claudia Missura e Cacau Protásio: atrizes vivem as empreguetes Janaína e Zezé em 'Avenida Brasil' - Divulgação/TV Globo
Claudia Missura e Cacau Protásio: atrizes vivem as empreguetes Janaína e Zezé em 'Avenida Brasil' - Divulgação/TV Globo

Entre uma maldade e outra da Dona Carminha (Adriana Esteves, 42) em Avenida Brasil, Janaína e Zezé conseguem divertir o telespectador que acompanha, todos os dias, a rotina na casa da família de Tufão (Murilo Benício, 44).

Interpretadas pelas atrizes Claudia Missura e Cacau Protásio, a dupla de ‘empreguetes’ gera tanta repercussão nas ruas quanto os próprios personagens principais da trama. “As pessoas mandam recado para a Carminha; sugerem que eu coloque veneno na comida dela”, comenta Claudia, em entrevista ao site da atração. “Muitos dizem que a patroa é uma peste como a Carminha e se identificam com a história. Está sendo muito gostosa essa recepção”, completa Cacau.

O dia a dia dessas duas, que foi interrompido pela chegada de Nina (Débora Falabella, 33) só ficou ainda mais interessante. “As pessoas sempre me abordam dizendo que adoram a Zezé e pedindo para ela parar de implicar com a Nina”, diz Cacau, que dá vida a ranzinza Zezé.

Com personalidade bondosa, bem diferente de sua colega de trabalho, Janaína completa Zezé. “Acho que é um clássico, como “O Gordo e o Magro”, o ranzinza e o bobo. Eu e a Cacau somos opostas fisicamente. Uma pega no pé da Nina e a outra a defende. Acho que o sucesso da dupla é ter comportamentos opostos”, explica a intérprete Claudia.

Empreguetes da vida real

Humilhadas por Carminha na ficção, Claudia e Cacau têm uma postura bem diferente com as empreguetes da vida real que trabalham em suas casas. “A minha relação com a pessoa que trabalha na minha casa é muito diferente da abordada na novela. A minha empregada se chama França, ela organiza toda a minha casa, comida, tudo”, conta a atriz. Já Claudia Missura, que está feliz da vida em interpretar a Zezé, revela que também é debochada, mas adorava a sua doméstica. “Eu acho que a Zezé tem um ar debochado e eu também sou assim. Já tive uma diarista que era superlenta e eu lhe dei o apelido de ligeireza. Éramos muito amigas”, resume.