Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Belinda responde aos fãs brasileiros

Em sua rápida passagem pelo Brasil, a cantora Belinda concede entrevista exclusiva para o Portal CARAS e responde curiosidades dos fãs sobre seu mais novo trabalho. Confira!

Redação Publicado em 29/06/2010, às 15h38 - Atualizado em 07/06/2012, às 23h25

Belinda - Getty Images
Belinda - Getty Images
Em uma rápida passagem pelo Brasil para divulgar seu novo trabalho, o CD Carpe Diem, a cantora mexicana Belinda atraiu uma multidão de fãs por onde passou. Na entrada do hotel onde estava hospedada, em suas participações em programas de televisão e de rádio, e em uma tarde de autógrados, a moça que completa em breve 21 anos, recebeu o carinho de meninos e meninas que são loucos por sua música. Belinda desta vez não fez nenhum show, mas recebeu o Portal CARAS para uma entrevista exclusiva e, além de responder algumas perguntas feitas a pedido dos fãs brasileiros, garantiu que em breve estará de volta para realizar uma turnê por aqui. Confira a entrevista e mate sua curiosidade sobre Carpe Diam de Belinda! - A música Amor Transgenico você escreveu para o público gay. Como foi a produção dessa letra? - Tenho fãs gays em todo o mundo. E essa música é de certa forma uma maneira de dizer que estou com eles, e que para mim o amor é universal, não tem preferência nem física, nem de sexo. - Culpable é uma canção super-romântica. Para quem você a escreveu? - Culpable é uma canção muito romântica que fala sobre as loucuras que as pessoas podem fazer por amor. Eu sou muito romântica. Me inspirei nas músicas que gosto de escutar, como The Scientist, do Coldpaly, Kiss Me... são tantas. - E quais foram as loucuras que você fez por amor? - As minhas loucuras de amor? Não são tão grandes assim. E nem se comparam com as loucuras que meus fãs já fizeram, como dormir na rua por exemplo. Bom, eu já fugi de casa para ficar um pouquinho mais com ele. Já menti. Fiz de tudo, coisas de meninas. - Qual foi a primeira música que você compôs para Carpe Diem? - Cuida de mi é uma canção que fiz para meu avô que era toureiro. Quando ele morreu, há pouco tempo, foi muito forte para mim. Eu fiz a música para ele, e foi a primeira que eu escrevi para esse álbum - E essas tatuagens que você fez pelo corpo? São novas? - Essas tatuagens são alguns símbolos japoneses que fazem parte do conceito desse trabalho Carpe Diem. Tem a palabra LOVE, porque para mim não há nada como o amor. Mas não são tatuagens de verdade. Minha mãe não deixa eu fazer. - Carpe Diem significa aproveitar o dia. Como você aproveita seu dia? - Eu tenho tido muito trabalho. Acordo muito cedo, tenho muitas entrevistas, atendo aos fãs. Faço tudo o que gosto. Tomo uma caipirinha de vez em quando (risos). Tento passar um dia agradável e rir muito. - Você se sente feliz? - Sempre tento evoluir cada dia mais. Nós humanos temos personalidades e maneiras de ser diferentes e estamos em constante mudança. Estou crescendo como pessoa, como cantora, e sempre com a força dos meus fãs. Assista ao vídeo da TV CARAS com a cantora Belinda!