Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Betty Faria brilha em gala ao lado de Meryl Streep

Convidada de Caras e da MGM, ela participa de homenagem do American Film Institute, AFI, Ao lendário diretor Mike Nichols

Redação Publicado em 16/06/2010, às 10h48 - Atualizado às 13h27

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Betty Faria e Meryl Streep - FOTOS: GETTY IMAGES E EDDIE SAKAKI/THE GROSBY GROUP
Betty Faria e Meryl Streep - FOTOS: GETTY IMAGES E EDDIE SAKAKI/THE GROSBY GROUP
A vida sempre surpreende Betty Faria (69). Com meio século de profissão e ainda linda e cheia de vigor, ela foi convidada por CARAS e pela MGM para representar a classe artística brasileira no 38o AFI Life Achievement Award, que este ano homenageou o grande produtor e diretor Mike Nichols (78), verdadeira lenda da sétima arte. "Fui educada pelo cinema americano. Os filmes da Metro fazem parte da minha cultura, da minha infância e adolescência", diz a atriz, dona de invejável currículo tanto na TV quanto no cinema. "Foi no Cine Metro, em Copacabana, que me deliciei com O Mágico de Oz, Cantando na Chuva e tantos outros. E ser convidada para uma festa aqui, a esta altura da vida, é uma grande delícia", afirma Betty, em longo de seda francesa rebordada com flores e pérolas, arrematado por joias da coleção Rain bow, da Vivara. "Há seis anos trago grandes atrizes brasileiras para divulgar nosso cinema em Hollywood. É uma forma de elas mostrarem que são respeitadas", diz o anfitrião, Marcello Coltro (38), VP do canal MGM para a América Latina. Betty, para quem cinema é sonho, fórmula mágica que ajuda a transcender a realidade, acompanhar o tributo a Nichols, realizado no estúdio da MGM onde o clássico O Mágico de Oz foi filmado, é deleite puro. "Sair da limusine e atravessar o red carpet é uma grande curtição", atesta a estrela, que em julho, após o término da novela Uma Rosa com Amor, do SBT, volta ao palco do CCBB do Rio com o monólogo Shirley Valentine. Assim que adentra o portentoso espaço reservado ao jantar de gala, decorado com fotos gigantes de cenas de filmes do homenageado, como Quem Tem Medo de Virginia Woolf (1966), A Primeira Noite de um Homem (1967), Ânsia de Amar (1971), Lembranças de Hollywood (1990) e Closer (2004), Betty encontra as estrelas que fizeram questão de prestar seu tributo ao diretor. Elegante e simpática, Meryl Streep (60) abraça carinhosamente a brasileira. "Que bom podermos ainda contar com bons papéis", diz Meryl, a quem coube a honra de entregar o prêmio do American Film Institute a Nichols, láurea que a própria atriz recebeu em 2004 e que coloca o diretor ao lado de monstros sagrados do cinema da categoria de gênios como Frank Capra (1897-1991), Billy Wilder (1906-2002) e Orson Welles (1915-1985). Espirituosa, Meryl relembra o que Nichols lhe disse durante as filmagens do drama O Retrato de Uma Coragem, de 1983, em que divide a tela com Cher (64). "Você sabe, dirigir é como fazer amor. E eu pensei: 'Ei, eu não conheço esse homem tão bem assim. Por que ele está me dizendo isso?' 'Porque', continou Nichols, 'você nunca sabe se está fazendo a coisa direito ou tão bem quanto seu parceiro'.Para mim, essa insegurança assim confessada foi algo que me desarmou e, bem, comecei a me apaixonar por ele", confessou a diva, que estrelou Lembranças de Hollywood, Ânsia de Amar e a série Angels in America, ganhadora do prêmio Emmy. "Vocês todos me fazem achar que valeu a pena. Eu amo todo o processo de filmagem e fazer isso com vocês me deu muita felicidade", agradeceu ele. Em clima de forte emoção, cada astro dava seu depoimento. Sobriamente elegante, de conjunto estampado com flores amarelas, Julia Roberts (42) afirmou que desde que foi dirigida por Nichols, em Closer, o diretor é parte de sua vida. "Ele é um dos poucos que já ganharam o Emmy, o Grammy, o Oscar e o Tony", frisou ela. Mais compenetrada, a veterana Shirley MacLaine (76) se limitou a elogiar o grande profissional com quem trabalhou em Lembranças de Hollywood. O casal Harrison Ford (67) - Uma Secretária de Futuro - e Calista Flockhart (45) - A Gaiola das Loucas - fez cada um sua homenagem particular a Nichols. Entre os convidados, absolutamente encantada estava Regina Talaat (62), a paulistana que venceu concurso de frases da Sky e ganhou o direito de ir à cerimônia com o filho, o músico Gustavo Talaat (30), da banda ID3. "Estar aqui é um sonho que se torna realidade", garantiu ela, ciceroneada pelos presidentes da MGM Latin America, Melvin Perez, e da Sky Brasil, Luiz Eduardo Baptista da Rocha (49). Na mesa ao lado, Regina observa Dustin Hoffman (72), Michael Douglas (65), Annette Bening (52) e Warren Beatty (73). Um pouco à frente, Jack Nicholson (73) e Morgan Freeman (73). E, ali atrás, Natalie Portman (29). Isto é Hollywood.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!