Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Beth Goulart: 'personagem multifacetado'

Beth Goulart estreia na Rede Record como a grande vilã da novela ‘Vidas em Jogo’. A atriz interpreta Regina, uma mãe batalhadora que tem que conciliar os afazeres da casa e da empresa

Redação Publicado em 10/05/2011, às 17h17 - Atualizado às 21h30

Beth Goulart - André Muzell e Roberto Filho / AgNews
Beth Goulart - André Muzell e Roberto Filho / AgNews
Aos 50 anos, Beth Goulart vive seu grande momento na carreira. Estreante na Rede Record, a atriz entrou na emissora encarregada de dar vida a Regina, a vilã de Vidas em Jogo. Animada, Beth comemora o papel. "É um trabalho muito bacana, um texto maravilhoso da Cristianne Fridman [autora]. A personagem é maravilhosa e eu acho que esta é a melhor maneira de entrar em uma casa nova, mostrando um bom trabalho, um trabalho desafiante e um personagem multifacetado". Em Vidas em Jogo, Regina é mãe viúva de Patrícia (Thais Fersoza) e Tatiana (Shaila Arsene). Apesar de ser considerada a grande vilã que irá apimentar a novela, Beth fala do lado sensível de seu papel. "As pessoas dizem que ela é a vilã mas, na verdade, ela é uma mãe, uma trabalhadora, uma mulher que subiu na vida à custa de muito trabalho. Ela ficou viúva muito nova, com as filhas ainda pequenas, então, teve que tocar a empresa e a casa sozinha. Com isso, se tornou uma mulher extremamente exigente, não dura, mas exigente. Ela sabe mandar e tem espírito de liderança. A empresa passa por um momento de crise e ela é obrigada a se desfazer de um imóvel, que estava abandonado, para ter algum dinheiro e poder refazer os negócios da empresa. E este imóvel tem um monte de gente morando. Aí, ela tem que tirar as pessoas de lá e se torna vilã". Mas, ao contrário de Regina, Beth Goulart tem uma família unida e é vista como exemplo por seus fãs. Filha do renomado casal de atores Paulo Goulart e Nicette Bruno, a atriz dá algumas 'dicas familiares'. "Acho que o diálogo é fundamental. É preciso que as pessoas conversem entre si, se conheçam, se aceitem e se respeitem como são. E isso só vem a partir do diálogo, de uma conversa franca entre todos os membros da família. Mas, que acima de tudo, tenham amor. O amor é um grande conselheiro". Vidas em Jogo estreou na terça-feira, 3, e vai ao ar diariamente em horário nobre.