Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Antônio Pitanga elogia a filha: "Esse é um momento em que a Camila se consagra"

Camila Pitanga recebeu na noite desta terça-feira, 18, o prêmio de Melhor Atriz pelo filme 'Eu Receberia As Piores Notícias dos Seus Lindos Lábios' durante o Festival do Rio

Redação Publicado em 19/10/2011, às 03h49 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

Camila Pitanga e Antônio Pitanga - Philippe Lima e Roberto Filho / AgNews
Camila Pitanga e Antônio Pitanga - Philippe Lima e Roberto Filho / AgNews

O Festival do Rio premiou a atriz Camila Pitanga (34) como Melhor Atriz por sua interpretação no filme Eu Receberia As Piores Notícias dos Seus Lindos Lábios, adaptação do romance homônimo de Marçal Aquino com direção de Beto Brant e Renato Ciasca.

Muito emocionada, Camila declarou em seu discurso ao receber o prêmio: “Estou muito emocionada. O Rio é a minha cidade, minha casa, meu manjedouro. Agradeço muito ao júri por esse prêmio. Me sinto parte do cinema antes mesmo de ter nascido, por ser filha de atores. Agradeço ao meu pai [Antônio Pitanga], por me ingressar nessa família do cinema antes mesmo de eu nascer". E completou: “Esse trabalho foi lindo desde o início. Foi muito afetuoso. A troca de confiança aconteceu desde o primeiro encontro. Dedico esse prêmio a minha filha Antônia, a Maria Luiza [enteada] e ao pai da minha filha [Cláudio Amaral Peixoto], que me apoiou desde o início do projeto. Também quero dedicar a minha mãe, Vera Manhães. Estou muito honrada em receber esse prêmio”.

O pai é só elogios e orgulho ao falar de Camila: "Nós somos uma família de artistas. Desde pequena ela já estava na coxia. Tudo o que quis é que meus filhos não fossem atores. Mas, já que são, e são talentosos, só posso aplaudir e ficar muito orgulhoso. Ela fez um personagem excelente. Um personagem que tem um equilíbrio entre a loucura e a paixão. Esse é um momento em que a Camila se consagra. É um reconhecimento da entrega dela para esse trabalho. Minha filha é uma grande atriz e merece todos os aplausos”.

Em entrevista a CARAS Online, Camila contou que o filme foi muito especial "porque marcou o meu encontro com duas pessoas maravilhosas: João Miguel e o Vinícius. São pessoas que quero ter a oportunidade de trabalhar mais vezes”. Ela revelou ainda que "foi um cair no abismo. Me joguei, me lancei no trabalho. E tive bons parceiros para me acolher”.

A premiada atriz já tem novos projetos em vista: “Fui convidada para fazer o filme Serra Pelada, de Heitor Dhalia, revelou.