Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Adriano Garib diz: 'Russo vai morrer de forma brutal'

Adriano Garib revela qual final deseja para o vilão Russo na novela 'Salve Jorge', da Globo: 'Acho que ele deveria morrer de forma brutal'

Redação Publicado em 03/02/2013, às 20h24 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Adriano Garib - TV Globo
Adriano Garib - TV Globo

O ator Adriano Garib (48) já sabe como quer que o vilão Russo termine na novela Salve Jorge, de Gloria Perez (64). Maltratando as mulheres que são exploradas na Turquia por meio do tráfico humano, o artista declara que o final de Russo tem que ser marcante. “Acho que ele deveria morrer de forma brutal. Lívia [Claudia Raia] e Wanda [Totia Meireles] devem ser detidas, julgadas, condenadas e presas. Mas o Russo vai morrer pela mão de alguém, da delegada, do Théo, Morena ou Lucimar. O primeiro que vão pegar é o Yuri [gato], que vai virar churrasquinho [risos]. A morte do vilão é quase certa, posso estar enganado, pode ir para trás das grades, mas acho que vai morrer”, afirmou ele em conversa com Fausto Silva (62) no Domingão do Faustão neste dia 3 de fevereiro.

Esperando apanhar nas ruas, o artista ainda está impressionado com a reação do público em relação ao seu vilão, já que todos pedem para tirar foto e até sugerem que pode ser um galã. “Será que é um símbolo sensual? Não sei... Estou surpreso. Quando recebi o convite, o diretor disse que era sob medida para mim, um chefe de segurança do tráfico, fiquei preocupado por ser um grande vilão. Todo mundo dizia: ‘Você vai apanhar na rua’, a Gloria disse que era pra eu ser odiado... Mas eu quis humanizá-lo, trazer um humor, uma ironia e ele se tornou popular. Sou parado nas ruas e as pessoas pedem para fazer foto”, disse.

Adriano também tentou comentar o motivo de tanto sucesso do vilão. “Eu acho que é porque estou fazendo o trabalho com muito amor, empenho. Ele tem lá o seu charme, é uma coisa que acontece, é a junção dessa coisa toda. O estilo próprio dele é muito característico. Os agenciadores precisam ser muito convincentes, sedutores, ganhar a confiança. No começo da novela, as pessoas começaram a odiar demais, mas não sei como começou a virar, porque ele continua cobrindo todo mundo de porrada”.

A atriz Dira Paes (43) entrou na conversa com Adriano e Fausto e fez elogios ao ator. “Ele é o nosso presente nessa novela. O Garib veio com força total”, declarou. O romance de Lucimar (Dira) e Russo (Adriano) também surgiu no bate-papo e a artista defendeu a sua personagem. “Ela não estava atrás de homem. Ela se diverte sozinha, atingiu a maturidade e não quer qualquer coisa. Mas o Russo foi um dos melhores partidos que ela teve na vida. Ele se apresenta como um cara seguro, viajado, interessado nela. Ela jamais está desconfiando que é uma trama contra a própria filha. O Russo é malvado mesmo”.

Quando surgiu a questão de que Lucimar poderia 'salvar' Russo de ser malvado, Dira disse que acredita que sim. “Eu acredito na força do amor”, afirmou, sendo rebatida por Adriano. “Não creio que ela possa converter o Russo”.

Mas, o que o público quer saber é o que vai acontecer quando Lucimar descobrir que Russo está envolvido no sofrimento de sua filha, Morena. “Eu acredito que vai ter uma vingança sim. E espero que seja com as próprias mãos”, contou Dira.

Uma das facetas de Russo que está surpreendendo os telespectadores é a relação dele com o gato Yuri. “A intenção da Glória é dar humanidade para o vilão. Tem vários exemplos de vilões terríveis na história que tiveram animais, Hittler tinha dois cachorros que eram praticamente filhos dele. Esse contraste chamou a atenção das pessoas, pensam que ele gosta do gatinho e pode ser bom, mas não necessariamente”, falou.