Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

ALTA-COSTURA VERÃO 2007 CHANEL

Altas mesmices: assim não dá

<img src="/imagens/2484/20080918120000_2484_thumbnail.jpg" border="0" alt="Regina Guerreiro" align="left"> Regina Guerreiro Publicado em 08/03/2007, às 15h12

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
ALTA-COSTURA VERÃO 2007 CHANEL
ALTA-COSTURA VERÃO 2007 CHANEL
Aiaiai, não é uma coleção dessas que me enlouquecem. Lembro bem que, quando assisti um desfile haute couture Chanel, no comecinho deste milênio, saí revoltada. Será que nunca (mas nunquinha mesmo) poderia bancar um monumento-fashion daqueles para mim?? Tudo era extraordinário, shapes, texturas, details pra lá de perfeccionistas. Não vejo isso agora - o que acalma meu apetite modal - mas que é triste é triste. Será que Lagerfeld estressou de vez?? A pressão de um mercado que não atinge nem uma centena de mulheres ao redor do mundo deve ser peso pesado de segurar até para um Kaiser como Karl... Falta punch nessa coleção, nada surpreende. Outra vez, casaquetos e casaquetos à la Chanel, só que menos retumbantes, menos Chanel, eu diria. Os tweeds chegam óbvios (quadriculadinhos, pode??), sem up nas tramas. Ela, nossa eterna Mademoiselle, teria 125 anos now se estivesse viva. E, com toda a evolução tecnológica da indústria têxtil, imaginem o que Coco não inventaria. Anyway, vamos lá ver again and again um batalhão de vestidos negros e curtos, calças justérrimas (tipo segunda pele), com alma rock-n'-roll e... pasme queridinha, até oncinhas pintaram, o que - concorde comigo - é um "tanto muito" para "avançar" no universo Chanel. Claro, as "paris-hiltons" da vida devem ter adorado. Até gostei de um casaqueto escuro, coroado por gola durinha, tipo degagée, recheada com pluminhas brancas. Sei não, mas McQueen não teria dado a dica quando, na sua coleção prêt-à-porter de verão, mil flores brotaram de um decote bateau?? Tentativas de modernidade não faltaram. O quê? Barras de vinil luzidio arrematando um tubinho qualquer... Bom, moda noite, enfim. Bordadíssima, decoradíssima, nervuradíssima, emperiquitadíssima. Gosto muito dos brincos-argolas cobertos de micropenas, das luvinhas com punhos emplumados. E, quer saber? Acho que Karl adorou a máscara de tule que Maria Antonieta (by Sofia Coppola) usou na cena do baile de máscaras. Só que - tadinho - Gloria Coelho foi mais rápida. A tal faixa apareceu no seu desfile (inverno 2007), realizado dias antes da semana de alta-costura em Paris. UIUIUI! FOTOS:MARCIO MADEIRA

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!