Manu Gavassi renasce em seu novo trabalho 'GRACINHA' - Reprodução/Instagram
Exclusiva!

Manu Gavassi renasce e se liberta em seu novo álbum visual 'GRACINHA'

'GRACINHA', novo trabalho de Manu Gavassi, é lançado nesta sexta-feira, 26, na Disney+

Tabatha Maia Publicado em 26/11/2021, às 15h51 - Atualizado às 18h39

Brilho no olhar e um largo sorriso no rosto, é dessa forma que Manu Gavassi (28) fala sobre o seu álbum visual GRACINHA, que estreou nesta sexta-feira, 26, na Disney+.

Com 41 minutos, o filme conta uma história pessoal e, ao mesmo tempo, lúdica sobre identidade, libertação e renascimento da cantora. Com convidados super especiais, Manu Gavassi mostra o mundo da arte de uma forma diferente e longe de números ou ingressos vendidos, apenas. 

Para dar um pontapé no projeto, Manu reuniu alguns jornalistas para viver a 'Experiência GRACINHA' em Campos do Jordão. A CARAS Digital participou da exibição exclusiva do filme, de um pocket show e traz com exclusividade mais detalhes do álbum visual, que promete mexer com a emoção dos fãs e do público em geral. 

Como surgiu GRACINHA de Manu Gavassi

No começo do filme é anunciado o retorno de uma famosa bailarina — interpretada por Manu Gavassi — que questiona o zeitgeist e o que significa ser artista. Segundo a cantora, GRACINHA é algo real, é sobre a sua vida agora.

"Eu tinha um sonho de lançar um álbum, eu não sabia quando. Faz muito tempo que eu não lançava um álbum e para mim tudo tem que ter começo, meio e fim", iniciou. "GRACINHA veio como um soco na minha cara, em uma maneira delicada de falar. Foi uma letra que mexeu muito comigo. Eu acho que por muito tempo eu me coloquei em uma categoria, que eu sabia fazer do pop, e ali eu fiquei. Quando eu comecei a entender que outras melodias vinham na minha cabeça, que minha voz podia ir para outros lugares, que eu podia falar sobre outras coisas também, que eu podia não ter tanto medo de ser vulnerável, eu acho que aí veio essa música e eu abracei. É sobre isso, esse momento da minha vida, é exatamente isso que eu estou vivendo", emendou.

"Então, deixa eu construir uma história linda sobre essa libertação, sobre essa minha vontade de me desprender dessas amarras, dessas máscaras. Deixa eu fazer um trabalho sobre isso, porque isso é real para mim no momento. Dá um pouco de medo [...] eu tenho a possibilidade de fazer um single aqui, um single ali, sem saber o que agrada e brincar com isso, mas tem que ter muito mais coragem para ser verdadeira, então eu acho que eu resolvi tomar esse risco e foi ai que Gracinha nasceu na minha vida. Nos últimos anos eu já vinha fazendo coisas no audiovisual, estudando muito roteiro, muita edição, então eu falei 'não, esse é um álbum visual e eu vou usar tudo que eu aprendi nos últimos anos para criar esse álbum, para ser um projeto completo'." 

Responsável pelo roteiro, direção criativa e co-direção, Manu revelou qual foi o maior desafio em produzir GRACINHA"O meu maior desafio foi gravar tudo isso (rs). O álbum musical veio de uma maneira muito orgânica, eu gravei com o Lucas Silveira, da Fresno, que é meu amigo. A parte visual foi um desafio porque estamos falando de uma história que contemple todas as músicas, falando de uma equipe muito maior, de um desafio no audiovisual muito maior."

Manu contou que a produção ficou por conta de pessoas especiais, que realmente acreditaram em sua ideia: "Eu acho que o segredo para isso acontecer, o milagre para acontecer da maneira que aconteceu, foi que poucas pessoas eram do cinema de fato. Eu acho que eram pessoas com sonhos [...] todos eles vieram da moda, da música, de outros lugares. Eu agreguei pessoas que queriam muito fazer aquele projeto e esse foi o segredo, porque é um desafio fazer audiovisual no Brasil, principalmente no período que a gente tinha, no tempo que a gente tinha, com o dinheiro que a gente tinha. Eu tenho muito orgulho de ter realizado isso, porque foi uma coisa muito do coração mesmo." 

Segundo a cantora, o processo de gravação durou três semanas. 

Parceria com Disney+ 

Ao contrário do que muitos podem pensar, não foi a Disney que foi atrás da Manu e, sim a cantora, que com o mesmo brilho no olhar que fala do projeto, foi atrás da plataforma. 

"Algumas pessoas acham que foi o caminho inverso, que a Disney chamou e eu criei uma história. Na verdade, foi o oposto. Quando eu sai do Big Brother eu entendi que a minha imagem tinha impactado de uma maneira muito legal, que eu nunca imaginei, pessoas de diversas idades. Eu quis honrar muito isso, então eu falei: 'como eu crio um projeto que vai ser importante para todo mundo igual, que não vai ser um nicho, não é um projeto pop para esse público, é um projeto para qualquer um?'. Isso era a minha ideia inicial e quando eu pensei nisso eu falei 'Disney", relembrou.

Manu confessou que quando entrou em contato com a Disney, GRACINHA era apenas um sonho, mas que ela acreditava fortemente: "Eu apresentei para o time Brasil e América Latina era só um sonho quando eu apresentei, eu nem tinha a ideia inteira, mas eles falaram que o meu olhar estava brilhando tanto de contar daquilo que eles compraram a ideia por conta disso. Eu tenho muito orgulho porque estamos falando de uma empresa que todo mundo tem uma história e um carinho. Saber que meu material está nesse lugar, está seguro ali, para um público muito diverso é muito legal."

Escolha de Ícaro Silva 

Ícaro Silva (34) foi um dos artistas que fez parte do elenco de GRACINHA. Par romântico de Manu, eles deram um verdadeiro show de sintonia e mostraram uma química fora do normal, o que com certeza deixou os fãs apaixonados. 

Sem conhecê-lo pessoalmente, a cantora explicou o motivo da escolha. "Eu amo o Ícaro, sou muito fã dele. O Ícaro tem a parte musical dele, ele é um cantor e um artista musical extremamente talentoso. Além de um ator, eu acho ele um gato. O pacote do Ícaro tinha tudo a ver com o que eu queria para o meu projeto", disse ela, novamente sorridente e com os olhos brilhando. 

"Eu fiquei com meio receio, porque a gente mal se conhecia e havia se falado uma vez por telefone e ele foi um super amigão. Quando a gente se conheceu lá (momento da gravação) bateu totalmente. Hoje em dia, ele é um grande amigo, posso dizer que ganhei um grande amigo", encerrou. 

Participação da Titi e o relacionamento de Manu Gavassi com Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank

Delicado e cheio de emoção, o álbum traz Titi (8), filha de Bruno Gagliasso (39) e Giovanna Ewbank (35), como uma diretora mirim. Na música Catarina, criada em homenagem à irmã de Manu, a cantora confidenciou que foi muito fácil trabalhar ao lado da criança, que se mostrou super a vontade durante as gravações. 

Bruno Gagliasso rasga elogios após estreia de Titi como atriz: ''Papito morre do coração''

"Eu já tinha uma relação com a família, eu conheço a bastante tempo. É engraçado porque a Titi sempre sentiu que eu era mais amiga dela do que da mãe dela. A Giovanna até brinca com isso. Eu amo a Titi, ela era muito nova na época em que eu pensei em chama-lá para o clipe, isso já faz alguns anos, ai eu guardei essa ideia. No álbum visual fez sentido eu retomar isso. A ideia inicial era uma menina meio diretora, que criava todo o ambiente no quartinho dela, que filmava, dirigia os bichinhos, eu queria muito a imagem dessa criança nessa posição e deu super certo", celebrou.

Manu então contou qual foi a reação de Giovanna Ewbank ao ouvir a música que a filha participaria: "Primeiro eu mostrei a música que era 'Catarina' e ela já chorou, ela é uma mãe chorona, e falou: 'A sua Catarina é a minha Chissomo.' Eu fiquei feliz porque ela viu a Titi na música então fez todo sentido. Os dois (Bruno e Giovanna) foram muito incríveis, eles confiaram em mim", disse ela, que viu como um aprendizado trabalhar com a criança: "Foi um aprendizado pra mim como diretora, acho que eu me vi diretora ali pela primeira vez com a Titi, tendo que controlar o ambiente para ela ficar feliz e tranquila, para ela conseguir brincar sabe?! Para não ser um ambiente traumatizante. Foi muito fácil, surpreendentemente fácil porque realmente parecia um dia de brincadeira com ela. Foi muito legal."

Cena pós-créditos e a presença surpreendente de Fábio Porchat

Se você assistiu GRACINHA e desligou a TV nos créditos, você assistiu errado! Faça o favor de voltar e acompanhar Fábio Porchat (38), que deu vida ao profissional do teatro que encontra o roteiro da produção e se diverte com os papéis em mãos. Segundo ela, 'Tédio', era uma canção que não se encaixava no restante do trabalho e essa foi a ideia de encaixá-la. E olha, deu super certo!

"Eu fui ao programa dele e depois do programa conversamos rapidamente e ele falou: 'pega meu telefone se precisar de qualquer coisa'. Nunca façam isso comigo, porque eu sempre preciso de qualquer coisa", brincou Manu aos risos. 

"Nunca pensei que ele toparia porque não tínhamos uma relação de amizade, a gente não se conhecia, só profissionalmente e muito rápido. Ele foi muito parceiro, baixou lá em Ouro Preto e gravou o clipe inteiro. Era uma surpresa mesmo, era uma música que eu tinha dificuldade em encaixar na história. Então, eu resolvi tirar um pouco da história. E se eu assumisse que aquele teatro foi o local onde eu gravei GRACINHA, eu perdi meu roteiro, alguém achou, alguém estava se divertindo naquele ambiente e trazer para uma coisa vida real sabe?! Quando eu entendi que podia ser o Fábio, o clique fez o total sentido. Tem que ser ele e ele topou, foi super amigo", contou. 

Manu Gavassi eleita 'Melhor Artista Brasileira' no MTV EMA

Dias antes do lançamento de GRACINHA, Manu foi eleita como Melhor Artista Brasileira na premiação do MTV EMA. 

Questionada sobre a emoção da vitória, ela contou: "A sensação foi muita maluca. Eu acho que a sensação de estar no EMA, nesse momento que eu estou lançando um projeto que pra mim é tão verdadeiro e significa tanta libertação de coisas que o meio fala pra gente ser [...] esse projeto vai na contramão de tudo isso."

Manu não escondeu a alegria e o respeito que sentiu dos seus fãs e das pessoas que acompanham o seu trabalho: "Estar no EMA, ganhando esse prêmio, recebendo esse prêmio carinhoso, nesse momento da minha vida significa mais do que qualquer outro eu acho. Eu me senti muito abraçada, muito abraçada pelas pessoas que gostam de mim, eu senti que eu tenho um público que confia em mim e no meu trabalho, independente da modinha que eu tiver, se eu tiver em alta ou nem tanto, se eu for a bola da vez ou não, eu sinto que tenho pessoas que respeitam quem eu sou, para mim foi esse o peso que teve", afirmou. 

O que será que falta para Manu Gavassi? 

No final da entrevista, quando questionada sobre o que ela sente que ainda falta em sua vida e carreira, divertida, Manu Gavassi pensou por alguns segundos e respondeu: "Saúde mental, de resto ela tá bem (rs)". 

"Todo mundo tem altos e baixos e eu acho legal falar isso. Todo mundo sabe que eu fiquei um tempo sem redes sociais e parece que eu tenho tudo resolvido e não é assim que a vida funciona. A gente sempre tem que estar vigilante com a gente mesmo, meu maior desafio é me sentir satisfeita comigo mesmo. O que eu tenho buscado é tentar entender que tá tudo certo, que eu já sou muito feliz", afirmou. 

música lançamento Manu Gavassi gracinha Manu Gavassi Gracina Titi Gracinha