Assine

Por CARAS Online 5 anos atrás

LAURA PROENÇA E AS DELÍCIAS DA ROTINA DE CASADA

No refúgio em Angra, atriz conta como faz para manter em clima de lua-de-mel a relação com Rafael Icaza

Oito meses após seu casamento com Rafael Zingales Icaza (27), empresário do mercado financeiro, a atriz Laura Proença (27) assegura que vive ainda como se estivesse em lua-de-mel. Na casa de praia da família, em Angra dos Reis, RJ, ela faz um balanço da vida a dois, com todas as dificuldades e descobertas. "Hoje, eu o amo mais do que quando nos casamos. E vejo que ele precisa ainda mais de mim", garante ela, que este ano fez sucesso na Globo ao viver a Vesga na novela Duas Caras. Filha do renomado pianista Miguel Proença (69), Laura revela o desejo de aumentar a família. Mas, no momento, o trabalho ainda é prioridade. Enquanto aguarda um convite para um novo papel na TV, em janeiro, sob a direção de Cininha de Paula (51), ela estréia em São Paulo a peça A Mulher do Candidato, escrita por Walcyr Carrasco (57). - Como foram esses 8 meses? - Rafael já morava sozinho, enquanto eu vivia com os meus pais, estava acostumada com todos cuidando de mim. Então, a mudança foi mais drástica. Agora, eu e o Rafael devemos suprir um ao outro. Preciso ser mais responsável. Aprendi que devemos cuidar da nossa relação todos os dias, estando sempre presente, seja com recadinhos, olhares, carinhos ou mesmo um aperto de mão. Mesmo que esteja cansada, nada pode passar em branco. - Encontraram muitas diferenças no dia-a-dia? - Sou mais espalhafatosa, romântica, gosto mais de demonstrar afeto. Vivo dizendo: 'Amo você.' Rafael é mais discreto. Mas a cada dia eu vou vendo como nos completamos. Com todos os defeitos que eu não conhecia nele e vice-versa, nos gostamos mais. E se brigamos, não deixamos nada para resolver no outro dia ou na outra semana. Não dá para deitar na cama com a outra pessoa fria do seu lado. Isso dá uma sensação de solidão que é de matar. - Esta, então, é a fórmula da felicidade conjugal? - É isso. Tem que resolver a cada dia, fechar o ponto. Você não pode deixar uma janela aberta senão vai entrar poeira. E nada melhor do que dormir. Aí na manhã seguinte, ele me leva café na cama. Mas ele não faz isso só porque brigamos! Rafael é muito fofo. Costuma chegar do trabalho com flores. No mês passado, completamos três anos juntos e ele encheu o nosso quarto de rosas vermelhas. - Vocês já pensam em filhos? - Estou doida para ter e desejo pelo menos dois, um casal. O Rafael já falou que podemos ter logo, mas ele entende perfeitamente que este ainda não é o momento ideal. Primeiro, preciso me estabilizar na carreira. Quem sabe dentro de um ano ou dois. Ainda sou nova, tenho muito tempo pela frente antes de engravidar. Agora, se acontecer de vir antes, será uma criança muito amada. - Como está a rotina após o casamento? Muda muita coisa? - A vida continua a mesma. Ele trabalha muito, 12 horas por dia, mas não é por isto que deixamos de viver ou de fazer as coisas. E nos finais de semana costumamos vir aqui para Angra, ou para Búzios, onde meus pais têm uma casa. Eu adoro receber as pessoas. Minha dispensa está sempre cheia para poder servir bem a todos. Nestes meses, me descobri uma excelente dona-de-casa. Estou aprendendo até a cozinhar e levo jeito. Só sabia fazer doce. Quando terminava, eu era o próprio doce (risos). Ficava coberta de chocolate por todo o corpo. Agora, por exemplo, aprendi com o Rafael a preparar um risoto aos quatro queijos que ele adora. O bom é não ter obrigação de fazer nada. O amor é assim, tem que regar todo dia. Tiro de letra o novo cotidiano, porque sempre quis ter minha própria casa. Rafael me diz que sou a mulher perfeita para ele. - O que admira no Rafael? - É um cara excepcional, me incentiva demais, me dá segurança. Tem carinha de anjo, mas uma personalidade bem forte. É um homem de caráter. Sou uma felizarda de ter um marido como ele. Nossa relação é tão forte que nada nos abala. Rafael é o amorda minha vida.

Tags relacionadas: noticia

Notícia publicada Qui, 11 Dez 2008 as 15:24, por CARAS Online.