Assine

Por Luiza Camargo 3 dias atrás

Malhar em jejum vira moda no verão, mas é muito perigoso. Saiba o porquê!

Nutricionista e personal trainer revelam que não indicam a prática para seus pacientes e alunos, mas que treinos leves aeróbicos de até 40 minutos em jejum não fazem mal à saúde

Verão é época de cuidar do corpo. Por isso, as academias estão lotadas desde manhã cedo e, consequentemente, muitas pessoas deixam de tomar café da manhã por isso. Além disso, há quem acredita que malhar em jejum potencializa a perda calórica, por isso decide gastar energia sem comer nada.

Algumas famosas como Fernanda Souza e Juliana Salimeni já revelaram que praticam atividades em jejum, porém apenas exercícios leves em um curto espaço de tempo.
Segundo a nutricionista Bia Rique, da clínica Ivo Pitanguy, na maioria dos casos, esta prática não é recomendada.

+ Em forma qualquer hora do dia! Descubra qual é o melhor período para malhar

+ Ballet Fitness: saiba tudo sobre essa aula que queima até 790 calorias em 30 minutos

Malhar em jejum não é saudável! Você deve comer algo para sinalizar para o seu metabolismo que ele deve gastar. Se você malha de manhã e na noite anterior comeu uma massa e uma sobremesa, não vai ter grandes problemas se não comer nada antes de ir, desde que seja uma corridinha leve, de até 40 minutos, por exemplo. Tudo depende da refeição da noite anterior e do ritmo da malhação. É preciso ter reserva de glicogênio muscular (que é armazenado no músculo e no fígado). Quando acaba o glicogênio, depois de 29 minutos de atividade aeróbica, você gasta gordura. Se a glicose baixar no sangue a pessoa pode ter hipoglicemia e até desmaiar”explica a especialista.

A personal trainer Milena Nogueira também não é muito favorável a esta nova “moda” e afirma que libera a prática apenas para seus alunos adeptos de fisiculturismo.

Eu só indico, ou melhor, aceito esse tipo de treino, conhecido com AEJ (Aeróbio em Jejum), para atletas de fisiculturismo com percentual de gordura bem baixo. Entende-se por este nível baixo menos de 10% para os homens (sendo que o ideal é ter menos que 15%) e menos de 14% para mulheres (sendo que o ideal é abaixo de 25%). Essa prática só deve ser utilizada quem tem um nível de treinamento muito alto e que conhece muito bem o seu corpo. É muito importante ressaltar que o jejum só é aceito antes de atividades aeróbicas. O treino de musculação é totalmente reprovado, porque a pessoa vai usar a proteína como fonte de energia e perder massa magra”.

 

Veja 3 erros na malhação

Tags relacionadas: Fernanda Souza | Juliana Salimeni | Boa Forma | Treino das famosas | Musculação | Academia | bem-estar

Notícia publicada Seg, 20 Jan 2014 as 14:42, por Luiza Camargo.


Mais Notícias de bem-estar