Assine

Por Luiza Camargo

Ex-gordinha, blogueira conta como emagreceu 33kg e conquistou uma barriga tanquinho!

Michelle Franzoni decidiu mudar de estilo de vida e virou referência em dicas saudáveis com o blog da “Mimis”. Confira sua história e veja suas dicas!

Michelle Franzoni conseguiu o que muita gente acredita ser impossível. Aos 33 anos, com mais de 100kg, a fisioterapeuta emagreceu 33kg em 10 meses e conquistou a tão sonhada barriga tanquinho!

Dois anos após o início de seu processo de emagrecimento, a ex-gordinha se transformou em uma referência em vida saudável e transformação e agora mantém um blog e contas nas redes sociais com mais de 250 mil seguidores. Nestes, a gordinha dá dicas de vida saudável, fitness, receitas e estimula seus leitores a mudarem seus hábitos de vida.

+ Atriz Nivea Stelmann conquista barriga tanquinho com pilates. Saiba mais!

+ Rita Guedes: descubra os segredos da boa forma da atriz de 41 anos

Em entrevista à CARAS Online, Michelle contou que brigava com a balança desde a infância e odiava exercícios físicos. Para ela, o que a fez perder tanto peso foi uma mudança em sua visão de vida: “Eu não apenas emagreci, eu mudei o meu estilo de vida. Eu pensei ‘ não quero apenas emagrecer, quero ser saudável’. Essa mudança de pensamento que foi essencial”.  Atualmente, ela ajuda e estimula milhares de seguidores e fãs que querem ter uma boa forma, publicando imagens em suas redes sociais com a hashtag  #projetomimis que indexa as fotos de pessoas interessadas e seguidoras de suas dicas.

Confira a seguir como foi o processo de emagrecimento de Michelle e confira dicas e ideias usadas pela blogueira para manter o corpo em forma!

 Como você era antes de emagrecer?

Eu sempre tive problemas com a balança. Desde a adolescência, eu engordava 4, 5 kg ao longo do ano e nunca tive um corpão. Eu “era forte” e vivia insatisfeita com o meu corpo, tinha muita vergonha do meu bumbum cheinho. Eu também odiava as aulas de educação física.

-Como era a sua vida até os 33 anos?

Fiz faculdade de fisioterapia e tinha um estúdio de pilates, mas não pegava pesado nos exercícios. Fazia academia três meses por anos, para ficar mais em forma para o verão e emagrecia um pouco, mas sempre era “forte” e não comia direito.

Qual foi o período que você mais engordou?

Depois que eu me casei, acabei emagrecendo um pouco. Mas em 2008, eu fiquei muito estressada e tive alguns problemas pessoas, que me fizeram engordar mais de 30kg em um ano!

Quando você decidiu emagrecer?

Em 2011, eu comecei a repensar a minha vida. Pensei os motivos pelos quais eu não conseguia emagrecer. Aí reparei que eu descontava meus problemas emocionais nas comidas e, depois que eu comia, ficava ainda pior. Além disso, eu e meu marido queríamos ter um filho. Eu queria ter uma gestação saudável e feliz e fiquei pensando que vida que eu ia proporcionar para o meu filho: “não quero educar ele com essa alimentação de gordo”. Foi aí que eu comecei a mudar.


Como foi o início do processo?

Primeiro, procurei um psicólogo. Ele me ajudou a cuidar do meu crescimento pessoal, por que se eu tivesse bem equilibrada com a minha mente a minha relação com a comida seria diferente. Depois, procurei uma nutricionista, que me deu uma dieta equilibrada e legal. Além disso, comecei a usar homeopatia, que me ajudou muito a controlar a ansiedade, o nervosismo e o estresse.

E a atividade física?

Como já tinha fechado meu estúdio de pilates, voltei a fazer uma coisa que adorava: pedalar! Além disso, comecei a fazer musculação após 15 dias do início do tratamento. Foi bem difícil no começo, pois eu tinha vergonha de ir pára lá, achando que todo mundo estava magro. Coloquei uma legging preta, ganhei coragem e fui! Fui pegando gosto pela musculação e ia pedalando cada dia mais, pois eu adorava!

Em quanto tempo você emagreceu?

Em 10 meses, unindo dieta balanceada e atividade física diária, emagreci 33kg. E eu meu apaixonei por tudo isso. Aprendi receitas novas, práticas e saudáveis e fui gostando de comer.

 Você ainda faz dieta?

Eu não preciso mais emagrecer, então faço musculação 5 vezes por semana, em um treino de 50 minutos. Além disso, ando de bicicleta 3 vezes por semana. Eu não passo fome, mas faço trocas saudáveis. Como de três em três horas, invisto em alimentos integrais e tenho um “extra” por semana, onde geralmente como um doce ou uma massa com molho ‘gordo’.

Você acredita que saber cozinhar te ajudou a emagrecer?

Muito! Saber cozinhar meu ajudou a fazer um cardápio mais diversificado e aprendi a ter prazer nas coisas saudáveis. Adoro fazer um risoto integral, por exemplo, sem manteiga.

Como você conseguiu sua barriga tanquinho?

Olha, eu acho que tem o fator da genética. Eu nunca achei, em toda a minha vida, que poderia ter uma um corpo e uma barriga assim. Eu não sou fã de bebida alcoólica e fritura, então isso ajuda também. Mas é a rotina de exercícios físicos e a boa alimentação que me deixaram assim.

Você fez alguma cirurgia plástica?

Não, juro. Só coloquei novas próteses de silicone. Mas, não fiz plástica nem lipoaspiração.

Por que você decidiu fazer um blog?

Estava fazendo faculdade de artes visuais e me apaixonei por blogs e redes sociais. Vi que podia ajudar e estimular muitas pessoas, então criei com o nome de “Mimis”. Sou eu quem produzo os vídeos, que tiro as fotos e escrevo os posts. É muito gratificante ver que estou ajudando as pessoas e eu adoro quando elas fazem minhas receitas e gostam!

O que o seu marido e sua família acharam da mudança?

Ele sempre me apoiou e nunca pediu para eu ser magra. Ele que é ‘magro de ruim’ (risos). A família, no início, achou um pouco estranho, mas agora aceita muito bem. Meu marido é gaúcho e la em casa a gente adora churrasco. Todos os almoços de família também sempre têm muita comida. Hoje em dia, eu levo meu prato light e todo mundo aceita. Você tem que se reeducar, se não sai da linha mesmo.

Em todo esse processo, o que foi o mais difícil?

A questão social. É difícil sair e seus amigos entenderem que você não vai comer ou beber algo alcoólico. Mas com o tempo, com as pessoas vendo que eu estou realmente levando a dieta a sério, eles me apoiaram. Hoje em dia, se saio, tomo uma taça de champagne ou uma taça de vinho com água.

Que dica você daria para as pessoas que desejam mudar e ainda não sabem como?

Acho que as pessoas devem aprender a ter prazer em comidas saudáveis. Não é apenas um sorvete que é bom. Não é só o doce que é gostoso. A gente pode ter prazer num bom prato de legumes se ele é feito com amor e dedicação. Além disso, a mudança de hábitos é essencial. Você tem que mudar sua vida para saudável, não apenas querer emagrecer. Hoje em dia, eu não sinto falta de nada, de doce, de refrigerante. Aprendi a ter prazer em alimentos e práticas saudáveis.

Moda fitness: aprenda a montar um look fashion para a academia

+ Galeria reúne famosos que ganharam bastante peso. Veja o antes e depois!

Tags relacionadas: Fitness | Boa Forma | Saúde | Dieta - Casos de Sucesso | bem-estar

Notícia publicada Seg, 19 Ago 2013 as 12:38, por Luiza Camargo.




Mais Notícias de bem-estar