Criofrequência: entenda como funciona o procedimento que elimina gordura localizada

Assine

Por Bruna Nastas

Criofrequência: entenda como funciona o procedimento que elimina gordura localizada

O especialista também explica a diferença entre a criofrequência e criolipolise; confira

A criofrequência é um equipamento que funciona emitindo ondas eletromagnéticas alterando entre calor e frio. Queridinho das celebridades, ele estimula o colágeo e elastina da pele.

O farmacêutico e sócio da Clínica Über, Nilson Pita, explica que o choque térmico aumenta a oxigenação, tratando "tanto gordura localizada em geral, inclusive celulite e também promove um excelente efeito facial de rejuvenescimento, basta o profissional estar capacitado para usufruir da tecnologia e oferecer o melhor do procedimento para seus clientes".

Segundo o profissional, a principal diferença entre a criofrequência e a criolipolise é que ela proporciona resultados na gordura localizada e também como um lifting facial. "O resultado da criofrequência é imediato e o da criolipólise pode se esperar de 15, 30 até 60 dias para se perceber o resultado. O risco de queimadura ou acidentes como tem sido divulgado é bem menor e também o desconforto durante e pós procedimento é praticamente zero quando comparamos a criofrequencia com a criolipólise".

O número de sessões pode variar de 4 a 10, dependendo do paciente e dos resultados. Por ser um procedimento considerado tranquilo, sem grandes restriçoes, Nilson diz que basta "estar  com uma vestimenta confortável e sem adereços metálicos que podem influenciar no tratamento. Após o tratamento, vida normal, sem dores ou marcas. Contudo a atividade física é sempre uma grande aliada na batalha por um corpo saudável e estável. Mas também a ingestão de líquidos, principalmente água e sucos naturais de baixa calorias e com atividade termogênicas também ajudam muito. Sempre é recomendada a boa alimentação balanceada e adequada para cada objetivo", conclui.

Tags relacionadas: beleza

Notícia publicada Ter, 4 abr 2017 as 10:04, por Bruna Nastas.






Mais Notícias de beleza